Cotidiano / Consumidor

Produtos da ceia de Natal de Dourados variam até 572%, mostra Procon

O Procon de Dourados realizou sexta-feira a pesquisa de preços dos produtos da ceia de Natal. O levantamento foi feito em dez estabelecimentos comerciais da cidade e constatou alta variação entre o menor e o maior preço. Foram pesquisados panetones, carnes (aves, suína, bovina e peixe), frutas, enlatados e bebidas, totalizando 68 itens. Conforme o […]

Arquivo Publicado em 10/12/2012, às 14h02

None

O Procon de Dourados realizou sexta-feira a pesquisa de preços dos produtos da ceia de Natal. O levantamento foi feito em dez estabelecimentos comerciais da cidade e constatou alta variação entre o menor e o maior preço.


Foram pesquisados panetones, carnes (aves, suína, bovina e peixe), frutas, enlatados e bebidas, totalizando 68 itens.


Conforme o Procon, nesta primeira pesquisa não foi possível fazer uma comparação completa com a pesquisa de 2011, uma vez que alguns produtos não foram colocados à venda em todos os mercados.


Foram encontrados 20 produtos com diferença superior a 100% do estabelecimento com menor preço para o de maior preço.


O quilo da uva passa clara varia de R$ 3,69 a R$ 24,80, com uma diferença de 572%. A uva passa escura custa de R$ 3,69 a R$ 19,90 (diferença de 439%).


Já o panetone tradicional de 500 gramas é vendido de R$ 4,95 a R$ 17,99, com variação de 263%. O quilo da castanha do Pará custa de R$ 7,90 a R$ 45,90 – diferença de 481%.


O Procon alerta que consumidor faça uma cuidadosa pesquisa, avaliando sempre a relação preço x qualidade, ficar atento às informações contidas nos rótulos, como peso, data de fabricação, prazo de validade e condições de conservação.


Sempre deve ser considerado o custo beneficio do deslocamento aos estabelecimentos com os produtos mais baratos. Por fim, o consumidor deve sempre exigir a nota fiscal no ato da compra. Qualquer dúvida ou reclamação pode ser feita ao Procon através dos telefones 151 e 3411-7754.

Jornal Midiamax