Após reclamação de moradores sobre suposta falta de papel para imprimir exames em unidade de saúde na Vila Fernanda, a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) negou falta de material e disse que doações da comunidade foi para imprimir informativos.

Conforme nota da secretaria, a foto que estava sendo divulgada na doação havia sido registrada em agosto de 2022, quando morador doou resmas para impressão informativos.

“A Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) esclarece que a informação de falta de papel sulfite ou material para impressão de exames na unidade é improcedente […] À época, a associação procurou a unidade para fazer a doação do material que seria utilizado para impressão de informativos e outros fins. A imagem está sendo utilizada fora do atual contexto com a intenção de respaldar tal denúncia, sem mencionar a temporalidade do fato. Como mencionado não há falta de materiais na unidade e os pacientes que necessitam dos exames impressos estão sendo atendidos normalmente”, diz nota.

Anteriormente, a secretaria havia mencionado que a unidade havia tomado a iniciativa de encaminhar os exames pelo meio digital, no WhatsApp ou por e-mail, como proposta aos moradores de ser uma maneira mais prática de receber os resultados.

Maços de papel que estão em estoque na unidade | Foto: reprodução, Sesau