Você sabia? Dia do Hino Nacional é celebrado há 191 anos

Brasil comemora nesta quarta-feira (13) o Dia do Hino Nacional
| 13/04/2022
- 11:20
Brasil comemora o dia do Hino Nacional em 13 de abril
Brasil comemora o dia do Hino Nacional em 13 de abril (Foto: Valter Campanato/Agência Brasil) - Brasil comemora o dia do Hino Nacional em 13 de abril

O Dia do Hino Nacional é celebrado há 191 anos no Brasil. A data foi escolhida, pois foi em 13 de abril de 1831 que a , composta pelo professor e maestro Francisco Manuel da Silva, foi executada pela primeira vez em público. A ocasião escolhida foi a despedida de Dom Pedro I que voltava para Portugal, deixando o trono para o filho.

O Hino Nacional Brasileiro é um dos quatro símbolos oficiais da República Federativa do Brasil.

Confira a história do Hino do Brasil

  • Hino ao Sete de Abril: a letra, de Ovídio Saraiva de Carvalho e Silva, celebrava a liberdade do Brasil e batizado como Hino ao Sete de Abril - data da abdicação do imperador. A música se tornou bastante popular. Mas o povo não adotou a letra e cantava o hino com versos próprios. Havia diversas versões, todas relacionadas à monarquia.
  • 1841: com a coroação de Dom Pedro II, a letra do hino foi trocada e passou a ser considerada como o Hino Nacional Brasileiro, embora não tenha sido oficializada como tal.
  • 1889: com a Proclamação da República, foi aberto um para eleger o novo hino. Mas a canção vencedora não foi aceita pelo povo. A recusa levou o presidente da República, Marechal Deodoro da Fonseca a oficializar o hino antigo, de Francisco Manuel da Silva, como Hino Nacional Brasileiro.

Durante quase um século, o Hino Nacional foi executado sem ter, oficialmente, uma letra. As tentativas de acrescentar um texto à música não vingaram. 

  • 1909: um novo concurso foi aberto para escolher uma letra para o hino. O poema vencedor foi de Joaquim Osório Duque Estrada. A composição foi comprada pelo então presidente Epitácio Pessoa, por meio de um decreto de agosto de 1922.
  • 1971: a oficialização do Hino Nacional, por lei, no entanto, só aconteceu em setembro de 1971. O hino adquirido por Epitácio Pessoa permanece até hoje.

Outra curiosidade, e que poucas pessoas sabem, é que o trecho instrumental que inicia o hino era originalmente cantado. Sem explicações, os versos “desapareceram”. A letra completa do hino era ensinada nas escolas e tocada no dia a dia, mas em algum momento no início do século XX, sem explicação aparente, sumiu a primeira estrofe. Já o trecho instrumental permaneceu e é bem conhecido por todos.

Não existe nenhuma teoria da conspiração para justificar o desaparecimento da letra da primeira estrofe do hino nacional, mas acredita-se que ela foi retirada durante os anos 1930. 

O Jornal Midiamax já contou essa história. Confira na matéria

Veja também

A PMA (Polícia Militar Ambiental de São Gabriel do Oeste captura serpente em ferro velho...

Últimas notícias