Campo Grande começa aplicar Coronavac em crianças neste sábado

Após autorização da Anvisa, municípios aguardavam nota técnica do Ministério da Saúde, que já foi publicada
| 22/01/2022
- 14:49
Campo Grande começa aplicar Coronavac em crianças neste sábado
(Foto: Divulgação)

O município de Campo Grande começou, já na manhã deste sábado (22), a aplicação da CoronaVac em crianças de 6 a 17 anos, conforme autorização da (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) dada nesta última quinta-feira (20). Os municípios aguardavam apenas uma nota técnica do Ministério da Saúde, já que a para crianças já havia sido incluída no PNI (Plano Nacional de Imunização) nesta sexta-feira (21). A nota foi divulgada ainda na sexta. As doses são destinadas apenas a crianças e adolescentes sem comorbidades.

A utilização da Coronvac na nova faixa etária antecede a previsão da SES (Secretária de Estado de Saúde), que informou ao Midiamax a possibilidade da aplicação começar nesta segunda-feira (24). “Estamos aguardando esta nota técnica, do Ministério da Saúde, para definir aplicação da Coronavac em crianças e também o resultado do debate ontem, que houve com a  Anvisa [Agência Nacional de Vigilância Sanitária]. A princípio, a determinação foi para o uso de 6 a 17 anos”, ressaltou o secretário. 

Mato Grosso do Sul tem população de 301.026 crianças com idades entre 5 e 11 anos. Deste público, 11.369 já receberam a primeira dose da vacina pediátrica da Pfizer. O Estado já recebeu dois lotes de doses, com 18,3 mil vacinas cada para a imunização dos menores, somando 36,6 mil doses. A expectativa é que a liberação acelere a imunização do grupo.

Vale lembrar que, de acordo com o aprovado pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), as doses da Coronavac vacinarão pessoas com idades de 6 a 17 anos — crianças com 5 anos seguirão tomando o imunizante da Pfizer. A liberação da vacina para este público foi unânime, com todos os cinco diretores sendo favoráveis.

Coronavac para crianças e adolescentes

A Anvisa decidiu nesta quinta-feira (20) autorizar a aplicação da vacina Coronavac em crianças e adolescentes entre 6 e 17 anos, incluindo um veto ao uso em pessoas com baixa imunidade, os imunossuprimidos. 

A Coronavac já é usada ou foi autorizada em crianças de diferentes faixas etárias em pelo menos seis países e em Hong Kong:

  • Camboja: começou a vacinar crianças a partir dos 5 anos em novembro
  • Chile: aprovada para crianças a partir dos 3 anos em setembro
  • China: já começou a aplicar a vacina em crianças a partir dos 3 anos
  • Colômbia: começou a aplicar a vacina em crianças de 3 a 11 anos em 31 de outubro
  • Equador: aprovada para crianças de 5 a 11 anos em outubro
  • Hong Kong: aprovada para crianças a partir dos 3 anos em novembro. A previsão era de que crianças a partir de 5 anos começassem a ser vacinadas nesta semana
  • Indonésia: começou a aplicar a vacina em crianças de 6 a 11 anos em dezembro; já vacinava adolescentes de 12 a 17 anos

Veja também

Campo Grande recebe a turnê nacional das bandas Vazio e NervoChaos, nesta sexta-feira (01). Os...

Últimas notícias