Secretaria promove carreata contra o uso de álcool e drogas em Campo Grande

Objetivo é alertar a sociedade em relação ao uso de substâncias psicoativas e seus riscos
| 15/02/2022
- 20:02
Secretaria promove carreata contra o uso de álcool e drogas em Campo Grande
Divulgação/PMCG

A Subsecretaria de Defesa dos de Campo Grande (SDHU) promove, na próxima sexta-feira (20), uma carreata em alusão ao Dia Nacional de Combate às Drogas e ao Alcoolismo, intitulada “Campo Grande em Ação, Drogas Não”. O objetivo é alertar a sociedade em relação ao uso de substâncias psicoativas e seus riscos, como a dependência e sua degradação física e mental.

Segundo a Coordenadoria de Proteção à População de Rua e Políticas sobre Drogas (COPRAD), organizadora da ação, está confirmada a presença de 300 carros, juntamente com City Tour, que levará os acolhidos das comunidades terapêuticas parceiras da prefeitura expondo faixas e cartazes. Outrora, esses acolhidos estavam em situação de rua e uso de drogas e/ou álcool.

A concentração será nos altos da Av. Afonso Pena, em frente ao Aquário do Pantanal, a partir das 09h da manhã. Os carros percorrerão a Avenida principal de Campo Grande até a rua 13 de junho. De lá, seguem para a rua Maracaju até chegar na Rua Pedro Celestino onde retornam para a Av. Afonso Pena com parada no Paço Municipal, para a apresentação cultural, fala de autoridades e soltura de balões brancos.

Em Campo Grande, a SDHU por meio da COPRAD, oferece 300 sociais para pessoas em situação de rua ou vulnerabilidade social em uso de álcool e/ou drogas, por meio de 11 Comunidades Terapêuticas (CTs) conveniadas com a Prefeitura Municipal. Os acolhidos recebem, de forma voluntária, acolhimento, tratamento para recuperação e reinserção social.

O Programa de Ação Integrada e Continuada (PAIC) da Prefeitura de Campo Grande atendeu mais de 900 pessoas que estavam em situação de rua e uso de drogas somente no ano passado. O período de tratamento é de nove meses, podendo se estender até um ano. Em 2021, o número de vagas nas CTs para atender o público mais que dobrou, passando de 120 para 300 vagas custeadas pela Prefeitura

Os acolhidos têm todo o acompanhamento biopsicossocial; tratamento terapêutico; qualificação profissional, em parceria com a Fundação Social do Trabalho de Campo Grande (FUNSAT) e Sistema S; e apoio da Secretaria Municipal de Educação (SEMED) na oferta de turmas do EJA (Educação de Jovens e Adultos).

Serviço:

09h – Os carros sairão do Aquário do Pantanal

10h – Parada no Paço Municipal para apresentação cultural com os Narcóticos Anônimos NA

10:10h – Fala das Autoridades

10:45h – Em alusão a todas as pessoas que perderam a sua vida pelo uso abusivo das drogas e alcoolismo, todos os presentes nesse momento soltarão balões brancos.

11h – Encerramento

Veja também

São três vagas imediatas mais cadastro de reserva

Últimas notícias