Mais de 463 mil devem fazer declaração de imposto de renda em MS; confira documentação

Os primeiros lotes de restituição são pagos a quem envia dados com antecedência
| 15/02/2022
- 11:51
O prazo a ser seguido deve ser igual ao de 2021.
O prazo a ser seguido deve ser igual ao de 2021. - Divulgação

Neste próximo dia 1º de março começa o prazo para entrega da declaração do Imposto de Renda Pessoa Física 2022 (ano base 2021), e segue até o dia 30 de abril. O prazo a ser seguido deve ser igual ao de 2021. Todos os contribuintes já devem preparar os documentos, em casos de pendências, já providenciar uma remissão para não correr o risco de cair na malha fina.

A de estima receber cerca de 463 mil declarações neste ano de 2022. Segundo a Receita Federal, as pessoas que tiveram rendimento igual ou maior que R$ 28.559,70 (vinte e oito mil reais, quinhentos e cinquenta e nove reais e setenta centavos) no ano de 2021 devem declarar.

Quem quer se adiantar para receber a Restituição do Imposto de Renda do primeiro lote deve ficar atento aos documentos necessários. A Restituição é a devolução do valor pago a mais na declaração do imposto. Ou seja, se você por acaso pagou a menos, tem saldo a pagar; porém, se pagou a mais, tem saldo a ser restituído e pode resgatá-lo. Isso geralmente ocorre por causa das deduções do Imposto de Renda.

O primeiro lote de restituição normalmente é prioritário, abrange as pessoas idosas, pessoas com deficiência e professores independentemente do período em que a declaração foi feita. Mas de modo geral, neste ano de 2022, as pessoas que pagarem um valor maior que o devido terão restituição mais rapidamente, isso porque o número de lotes foi diminuído de 7 para 5.

O pagamento do primeiro lote inicia no final do mês de maio e os demais seguem a ordem até setembro de 2022. Acessando o site da Receita Federal o contribuinte pode consultar o andamento da sua restituição, basta preencher os campos do CPF, data de nascimento e captcha.

Os contadores já contam com o dinheiro extra que devem ganhar com a procura de clientes que desejam ajuda na hora de declarar o imposto de renda. A contadora Paula Nogueira, de 42 anos, explica que anualmente ela tem a ‘clientela fiel’ e que o tempo de entrega de prestação de contas fiscais é o período que os escritórios de contabilidade faturam bastante.

Abaixo, confira os principais documentos necessários para declarar o IR 2022. Mas, atenção: esse é apenas um guia para te ajudar a levantar os documentos. Se tiver dúvidas na hora da declaração, o site da Receita Federal reúne as informações oficiais.

“Já faço os agendamentos antecipados, aviso os clientes quais os documentos necessários para realizar a declaração. Tem muita gente que não entende sobre imposto de renda e um contador ajuda bastante. Além dos clientes que já temos, muitos novos certamente vão nos procurar nas próximas semanas”, explicou

Giovana Souza Gonçalves, de 45 anos, trabalha em um escritório de contabilidade e diz que o período de declaração é um momento de ‘fartura’. Ela também afirma que é procurada por amigos próximos e sempre consegue lucrar mais nesta época do ano.

“Além da demanda do escritório, tenho colegas que me procuram. Alguns não entendem nada de imposto de renda, outros têm preguiça de aprender o formulário e outros não sabem o que é necessário. Já temos os clientes que todos os anos nos procuram, mas sempre aparece gente nova também, principalmente quando o prazo para declarar está acabando”, disse.

A Receita estima receber cerca de 463 mil declarações em MS neste ano, mesmo número do ano passado.

 

Veja também

Alunos cantaram canções com trechos que falam de sexo explícito como "bate, bate na x*rec* e chega a me machucar"

Últimas notícias