Pai de quatro filhos, Paulo não resiste à leucemia e morre em Campo Grande

Jornal Midiamax chegou a divulgar a vaquinha online que o farmacêutico abriu para ajudar no custeio do tratamento
| 17/02/2022
- 15:48
Família está arrasada com a perda do farmacêutico que lutou para viver
Família está arrasada com a perda do farmacêutico que lutou para viver - (Foto: Arquivo Pessoal)

Morreu na madrugada desta quinta-feira (17) o farmacêutico Paulo César Pereira, de 42 anos, conhecido como Paulinho. Ele lutava contra uma leucemia e não resistiu. Paulinho estava internado no Hospital Regional de Campo Grande e há poucas semanas chegou a abrir uma vaquinha online pedindo ajuda no custeio do tratamento de seu câncer.

De acordo com a sua esposa, Dayana Vargas, Paulo César descobriu a doença em dezembro de 2019. O farmacêutico ficou 40 dias internado e enfrentou cinco meses de quimioterapia. Após isso, o tratamento se estabilizou e continuou apenas por medicação via oral.

No entanto, em agosto de 2020, Paulo foi acometido por fortes dores de cabeça e descobriu uma trombose na cabeça. Durante este período, a medicação também era de alto custo e os familiares conseguiram arrecadar o suficiente para o tratamento. Depois disso, para a surpresa da família, em dezembro de 2021, Paulo foi diagnosticado com leucemia novamente.

Pai de quatro filhos, Paulinho também deixa a esposa. Ele também era conhecido por cantar na igreja que frequentava em Campo Grande. No início de fevereiro, chegou a publicar um vídeo nas informando novidades sobre o seu tratamento. Na gravação, o farmacêutico aparecia bem. Veja:

Veja também

Prefeita Adriane Lopes destacou que imóveis podem ser destinados a novas famílias

Últimas notícias