No Agosto Lilás, Carreta da Justiça será comandada por mulher pela 1° vez em MS

Corguinho será o primeiro município a receber a carreta neste mês
| 01/08/2022
- 23:05
carreta da justiça
(Foto: Divulgação, TJMS)

No Agosto Lilás e mês em que a Carreta da completa seis anos de existência em Mato Grosso do Sul, essa será a primeira vez que o projeto será comandado por uma mulher. A juíza Kelly Gaspar Duarte Neves será a primeira mulher a responder pelos trabalhos desde que a proposta foi implantada, no dia 24 de agosto de 2016.

“É uma honra ser a primeira mulher a comandar um trabalho tão importante, que leva a justiça nas comarcas onde não existem ainda prédios do Fórum, evitando que a população tenha que se deslocar para outra comarca em busca de atendimento”, disse Kelly

Como juíza, posso afirmar que é uma oportunidade preciosa de estar mais perto daquele que espera da magistratura uma justiça célere, eficiente e principalmente eficaz. A Carreta da Justiça aproxima, mostrando que o Poder Judiciário se importa com a população. Esta será uma experiência que não esquecerei tão facilmente”, finalizou a juíza.

Pelo calendário, os próximos atendimentos da Carreta da Justiça serão nos municípios de Corguinho (1 e 2/8), Rochedo (4 e 5/8), Selvíria (29 e 30/8), Santa Rita do Pardo (1 e 2/9), Novo Horizonte do Sul (3 e 4/10), Taquarussu (6 e 7/10), Vicentina (7 e 8/11), Jateí (10 e 11/11), Japorã (28 e 29/11), Juti (1 e 2/12), Laguna Carapã (12 e 13/12) e Douradina (15 e 16/12).

A Carreta da Justiça faz parte do programa “Judiciário em Movimento”, que tornou 100% dos municípios sul-mato-grossenses sedes de comarcas. Para quem não sabe, a carreta é uma miniatura de um fórum: gabinete do juiz, sala para Promotor, Defensor Público, sanitário, uma pequena copa e a varanda de 44 m² na frente para recepção das pessoas.

Veja também

Vagas vão desde agente de viagens até capataz na pecuária

Últimas notícias