Moradores de Campo Grande reclamam de falta de energia há mais de 16 horas

Moradores do bairro Center Park diz que falta de energia é recorrente
| 15/05/2022
- 10:00
Árvores estão sendo cortadas para reestabelecimento de energia
Árvores estão sendo cortadas para reestabelecimento de energia - Fala Povo, Midiamax

O que atingiu Campo Grande na noite do último sábado (14), deixa moradores da região próximo ao centro, sem energia há mais de 16 horas. Até às 9h deste domingo (15), de acordo com as reclamações, a luz ainda não tinha sido restabelecida.

Morador do bairro Center Park, na rua Monte das Oliveiras, próximo ao Estrela do Sul, que preferiu não se identificar, enviou reclamações ao Jornal Midiamax por volta das 19h40 de sábado. Ele afirmou que é só começar a chover, que a luz acaba no bairro.

Segundo ele, a Energisa não dá manutenção nas redes, como poda de árvores. Os galhos encostam nos fios das redes elétricas e ocasiona a falta de luz.

Ainda conforme o morador, o problema ocorre constantemente e ate reclamação na Anatel, foi feita. “Fizemos compra de mantimentos hoje e estamos preocupados em perder tudo. Da última vez, foram 12 horas para energia voltar”.

Na manhã deste domingo, por volta das 8h, equipes da Energisa chegaram ao local e realizaram a poda das árvores, mas nada do retorno da luz. “Estamos há mais de 15 horas sem energia por causa das árvores”.

Outro morador, este do bairro Taveirópolis, relata há mais de 16 horas. Segundo ele, não houve queda de árvore ou nada parecido para justificar a queda na luz. "É lamentável pagar tão caro por uma porcaria de serviço".

O que diz a Energisa

Em nota encaminhada ao Jornal Midiamax, a Energisa informa que segue o plano de contingência após a forte tempestade que atingiu Mato Grosso do Sul, na noite do último sábado (14). Na Capital foram registrados mais de 60 bairros com interrupções relacionadas ao temporal, que provocou 6,5 vezes mais ocorrências em comparação com o padrão.

Ainda conforme a concessionária, a rede elétrica foi prejudicada por inúmeras quedas de árvores, rajadas de ventos e elevado número de descargas atmosféricas, além de defeitos de altíssima complexidade e rompimento de cabos. A concessionária trabalha com quatro vezes mais equipes em campo – de forma ininterrupta – para restabelecer o serviço nas localidades onde ainda há falta de energia.

Os bairros mais afetados até o momento são:

Parque Residencial União

Bairro Nova Lima

Vila Nasser

Coronel Antonino

Vila Margarida

Carandá Bosque

Mata do Jacinto

Jardim Centro Oeste

Vila Sobrinho

Núcleo Industrial

Conjunto Aero Rancho

Nova Campo Grande

Jardim Tijuca

Jardim Veraneio

Conjunto Jose Abrão

Vila Piratininga

Monte Castelo

Vila Planalto

Estrela Dalva

Vila Taveirópolis

Jardim São Conrado

José Alves Pereira

Mata do Segredo

Cruzeiro

Caiçara

Jardim Noroeste

Tiradentes

Jardim Autonomista

Santo Amaro

Rita Vieira

Jardim Batistão

Jardim Panamá

Vila Popular

Amambai

Chácara Cachoeira

Vila Santo Antônio

Centro

Pioneiros

Parque dos Novos Estados

Jardim Leblon

Jardim Parati

Chácara dos Poderes

Indubrasil

Jardim Seminário

Santa Fé

Vila Carlota

Jardim dos Estados

Para evitar congestionamento no 0800, a Energisa orienta aos clientes buscarem atendimento pelo WhatsApp (Gisa): (67) 9 9980-0698 e aplicativo Energisa On. Outra importante recomendação é que a população mantenha distância e não faça intervenção na rede sozinha, nem se aproxime de cabos partidos e postes danificados.

Veja também

Prefeitura de Campo Grande inicia novo trecho de obras na Rua Sete de Setembro, nesta...

Últimas notícias