Enfermeiros de MS acompanham votação sobre o piso salarial da categoria em Brasília

| 04/05/2022
- 10:43
Enfermeiros de MS
(Foto: Divulgação/Sindicato de Enfermeiros de MS)

Se unindo às reivindicações nacionais da categoria, de acompanham, nesta quarta-feira (4), a movimentação e votação do projeto de Lei 2564/20, que estabelece o piso salarial a eles, técnicos e auxiliares de enfermagem, na Câmara Federal, em Brasília, Distrito Federal.

Segundo o Sindicato de Trabalhadores da Área de Enfermagem do Estado, cerca de 44 profissionais do Estado estão no local para apoiar a mobilização em prol da categoria. Em MS, são 23 mil trabalhadores da área pedindo a aprovação da valorização salarial. O projeto fixa a remuneração mínima de enfermeiros em R$ 4.750, a de técnicos de enfermagem em R$ 3.325 e a de auxiliares e de parteiras em R$ 2.375.

“Durante a pandemia, a sociedade reconheceu a importância da Enfermagem dentro do hospital. Nosso cotidiano sempre foi esse, de estar na linha de frente, cuidando intensivamente. No entanto, há agravantes. Devido aos baixos salários, muitos profissionais precisam trabalhar em vários turnos para conseguir sobreviver e manter sua família, o que acarreta sobrecarga de trabalho, problemas de saúde físicos e emocionais”, disse o presidente do sindicato, Lázaro Santana.

Além disso, a categoria afirma que várias sugestões de fontes de financiamento para custear esse aumento salarial. “Temos esperança que desta vez haverá valorização aos profissionais da Enfermagem. Há anos, temos lutamos por melhorias tanto nos salários quanto em nossa jornada”.

Se aprovado integralmente, conforme o texto atual do Projeto de Lei, a formulação da PL será encaminhado para aprovação do Poder Executivo.

Veja também

Indígenas relatam tensão para seguir tradição de sepultamento

Últimas notícias