Enfermagem aceita proposta da prefeitura e encerra indicativo de greve

| 30/03/2022
- 22:12
Enfermagem aceita proposta da prefeitura e encerra indicativo de greve
(Foto: Arquivo/Midiamax)

A de Campo Grande aceitou a proposta de regulamentação do auxílio alimentação de R$ 494 para os técnicos de enfermagem e R$ 200 reais para os das unidades de saúde de após assembleia realizada nesta quarta-feira (30) e, com isso encerra o indicativo de greve.

“A assembleia entendeu que a proposta encaminhada pelo executivo se publicada amanhã no diário oficial antes das 11h onde traz a regulamentação do auxílio alimentação de R$ 494 para os técnicos de enfermagem e R$ 200,00 reais para os enfermeiros como compensação indenizatória, atende as expectativas e encerrará assim o movimento grevista”, disse Ângelo Macedo, presidente do Sinte - PMCG (Sindicato dos Trabalhadores Públicos em Enfermagem da Capital)

A categoria já havia decidido pela greve na última sexta-feira (25), porém, devido a uma nova proposta da Prefeitura, a paralisação foi suspensa.

Um dos motivos para a manifestação dos trabalhadores é em relação ao não cumprimento de acordo para o pagamento do adicional de insalubridade. De acordo com Ângelo Macedo, as negociações sobre o assunto ocorrem desde o ano passado, mas categoria e executivo não chegaram a um acordo.

“Estávamos em negociação sobre o reajuste anual e outro que versava sobre a insalubridade. Esse acordo teria regulamentado o decreto da insalubridade até novembro de 2021 e os pagamentos ocorreriam a partir de 2022”, alegou Macedo.

Veja também

Conflitos entre índios e a Polícia Militar terminou na morte de um indógena

Últimas notícias