Eclipse solar: confira como assistir ao fenômeno astronômico

É possível assistir ao fenômeno por transmissões ao vivo
| 30/04/2022
- 08:29
Eclipse solar acontece neste sábado, 30 de abril.
Eclipse solar acontece neste sábado, 30 de abril. (Foto: Reprodução)

O primeiro eclipse solar do ano acontece na tarde deste sábado (30), mas praticamente não será visível do Brasil. O fenômeno astronômico só poderá ser observado a partir de algumas regiões remotas do planeta, e no País, somente um ponto no extremo sul do Rio Grande do Sul - Barra do Quaraí - conseguirá acompanhar de forma parcial o fenômeno. 

Este é o primeiro dos dois eclipses solares previstos para este ano – nenhum observável no Brasil. Para quem não está em um destes pontos onde é possível a observação e quiser assistir ao eclipse, a tecnologia dará uma ajudinha.

Confira como assistir a transmissão do eclipse solar: 

Observatório Nacional no YouTube

O fenômeno astronômico terá início às 15h45 (horário de Brasília), mas a transmissão, com comentários da astrônoma Josina Nascimento, do Observatório Nacional, começará um pouco antes, às 15h (horário de Brasília).

Além de explicar como ocorrem os eclipses, a astrônoma disponibilizará imagens de um outro eclipse, observado a partir de Marte.

O eclipse solar só poderá ser observado a olho nu por quem estiver na parte sul da América do Sul, especialmente no extremo do continente, onde o eclipse será mais intenso, abrangendo entre 40% e 54% do disco do Sol. Poderá ser visto também em partes da Antártica e na parte sul dos oceanos Pacífico e Atlântico.

Segundo a Nasa, o fenômeno poderá ser observado principalmente no , na Argentina, no Uruguai, no oeste do Paraguai e no sudoeste da Bolívia e do Peru.

A retransmissão do eclipse solar não será a única deste sábado. Mais cedo, às 4h (horário de Brasília), o observatório fará outra transmissão, na qual mostrará imagens e comentará a conjunção entre os dois planetas mais brilhantes: Júpiter e Vênus.

TimeAndDate no YouTube

O site TimeandDate irá transmitir o eclipse solar parcial ao vivo com parceiros do Instituto de Astrofísica da Pontifícia Católica no Chile e um grupo de astrônomos da Argentina, liderados pelo Instituto Latinoamericano de Astroturismo.

A transmissão está programada para começar às 16h30 (horário de Brasília), e você poderá acompanhá-la no site ou no YouTube.

Gyaan ki gareebi no YouTube

O streamer indiano transmite lançamentos espaciais, imagens da Lua cheia e mais. O eclipse solar será transmitido a partir das 14h45 (horário de Brasília). 

Como ocorre um eclipse? 

Os eclipses solares acontecem quando a Lua fica entre o Sol e a Terra, projetando uma sombra sobre o planeta. A sombra mais escura, onde toda a luz solar é bloqueada, é chamada umbra. Em torno da umbra se define a sombra mais clara, a penumbra, onde a luz solar é parcialmente bloqueada. 

O observador que está na estreita faixa da Terra atingida pela umbra, vai ver o eclipse total. Se estiver na área atingida pela penumbra, verá o como parcial.

Veja também

Indígenas relatam tensão para seguir tradição de sepultamento

Últimas notícias