De Campo Grande, egresso do IFMS conquista vaga em universidade americana

O egresso João Pedro Haufes, foi contemplado com bolsa integral para cursar o ensino superior na Universidade de Duke, nos Estados Unidos
| 05/04/2022
- 18:10
De Campo Grande, egresso do IFMS conquista vaga em universidade americana
Divulgação/IFMS

O egresso João Pedro Haufes do IFMS (Instituto Federal de Mato Grosso do Sul), do campus de Campo Grande, foi contemplado com bolsa integral para cursar o ensino superior na de Duke, nos .

Em 2021, João Pedro se formou no curso técnico em Informática integrado ao ensino médio e afirma que sua formação na área aliada ao interesse em linguística o levou a optar por uma formação em solo estrangeiro em um curso de graduação que une os dois assuntos. “Nos Estados Unidos farei uma graduação com um currículo mais flexível, onde poderei explorar meus interesses nas áreas de informática e linguística, aproveitando as oportunidades em pesquisas e estágios, durante quatro anos em que vou tirar o máximo da experiência”, relata João.

O egresso é morador da comunidade Tia Eva em Campo Grande e ingressou no IFMS em 2018. Durante toda sua experiência na instituição, João participou de ações de pesquisa e extensão como atividades complementares. "Todo o ambiente do IFMS é propício para o estudante se desenvolver dentro e fora de sala de aula, com professores mestres e doutores e também uma formação técnica profissional que abre múltiplas possibilidades para o formado”, afirma. “Não sei se teria conseguido essa bolsa para Duke se não tivesse um local como o IFMS para me desenvolver como estudante”, completa.

Em um de seus trabalhos como aluno, João foi selecionado como um representante brasileiro na edição de 2021 do Programa Jovens Embaixadores, promovido pela Embaixada dos Estados Unidos no Brasil. Além disso, também representou o Projeto Solo Fértil, desenvolvido em parceria com a Universidade de Illinois, bem como participou do English Club, um clube de conversação em inglês e no grupo de pesquisa com temática relacionada à área de idiomas e internacionalização.

No último sábado (2), o egresso voltou ao campus para ministrar uma palestra com o tema de estudos no exterior, e contar sua experiência e incentivar os demais colegas que também almejam uma vaga em uma instituição estrangeira.

Para a admissão do aluno na universidade, foram avaliados seu curso técnico na área de informática, sua participação em olimpíadas de conhecimento, clubes de idiomas, pesquisa e outras foram, também, critérios avaliados pelo Departamento de Estado dos EUA, por meio do escritório Education USA.

O estudante explica que se inscreveu para um programa do EducationUSA em 2021, tendo participado de quatro etapas seletivas, com 20 vagas para mais de quatro mil inscritos no programa.

O escritório auxilia estudantes no processo de admissão em universidades nos EUA. Alguns exemplos de serviços e atividades são palestras, workshops, orientação personalizada e tradução certificada de documentos acadêmicos.

Para submeter sua candidatura, João Pedro explica que obteve apoio de docentes do campus e da Asint (Assessoria de Relações Internacionais do IFMS), com cartas de recomendação e traduções.

Serviço – Para orientar estudantes que tenham interesse em estudar nos EUA, a EducationUSA realiza de 4 a 9 de abril, a Feira Virtual EducationUSA Brasil 2022, com participação de mais de 45 universidades americanas.

No IFMS, os estudantes podem ainda recorrer à Assessoria de Relações Internacionais, pelo e-mail asint@ifms.edu.br para apresentar as ações institucionais na área de internacionalização e formas como a instituição pode apoiar o estudante na busca por uma vaga.

Veja também

Ninguém acertou os seis números do concurso 2.495 da Mega-Sena, realizado nesta terça-feira (28) à...

Últimas notícias