Candidatos reclamam que não há linhas de ônibus para concurso deste domingo em Campo Grande

Prova acontecerá ao meio dia na UCDB e moradores relatam que não há itinerário no transporte
| 13/03/2022
- 14:01
A mulher foi encaminhada para UPA no dia do acidente e depois para Santa Casa.
Marcos Ermínio, Midiamax, de arquivo

Os candidatos do concurso para auditor fiscal do TCU (Tribunal de Contas da União) se depararam com a falta de ônibus no transporte público para o local de prova neste domingo (13). O exame será realizado na UCDB (Universidade Católica Dom Bosco) e, segundo relatos, não há itinerário neste domingo.

Desde 2020, as linhas do transporte público foram modificadas devido à pandemia e a menor circulação de pessoas. E os itinerários do domingo e feriados foram os mais afetados. Apesar da volta à normalidade e linhas ajustadas durante a semana, aos finais de semana os passageiros continuam enfrentando as mesmas tabelas horárias. 

As linhas que vão para a UCDB, 222 (General Osório), 221 (Centro-UCDB), 474 (Júlio de Castilho) e 229 (Cabreúva), não circulam aos domingos. Isso conforme a tabela horária disponibilizada pela (Agência Municipal de Transporte e Trânsito). Também não há informações de linhas alternativas que cheguem até a porta da universidade aos domingos. 

O fato gerou preocupação aos candidatos do concurso. "A pessoa consegue isenção de taxa, estuda e chega no dia: não tem transporte público. E quando você ganha isenção de taxa num concurso e não comparece para a prova, o seu CPF fica em observação, fica como desistente. No próximo concurso, você pode não conseguir isenção", disse mãe de candidata. 

A mulher teria ido até ao terminal para tentar identificar qual linha poderia pegar para ir até o local de prova. A reportagem acionou o Consórcio Guaicurus para ter mais informações e aguarda resposta.

O concurso de Auditor Federal de Controle Externo – Área Controle Externo (AUFC-CE) prevê 20 vagas com salário de R$ 21 mil. Edital aqui.

Sabendo de algo que MS precisa saber? Conta pro Midiamax!

Se você está por dentro de alguma informação que acha importante o público saber, fale com jornalistas do Jornal Midiamax!

Fala Povo: O leitor pode falar direto no WhatsApp do Jornal Midiamax pelo número (67) 99207-4330. O canal de comunicação serve para os leitores falarem com os jornalistas. Se preferir, você também pode falar com o Jornal direto no Messenger do Facebook.

Você pode enviar flagrantes inusitados, denúncias, reclamações e sugestões com total sigilo garantido pela lei.

Veja também

Por conta do trabalho e isolamento, família recebeu ‘pedacinho’ da horta em casa

Últimas notícias