Calendário completo: Auxílio Brasil de R$ 600 começa a ser pago na terça para 176,4 mil famílias de MS

Benefício do Auxílio Brasil de R$ 600 já tem datas de pagamento até dezembro deste ano
| 06/08/2022
- 09:39
auxílio brasil
Auxílio Brasil. (Foto: Divulgação / Caixa)

O novo valor do , benefício criado pelo Governo Federal em substituição ao Bolsa Família, será pago aos beneficiários a partir de terça-feira (9). Com incremento de R$ 200, o auxílio agora será de R$ 600 e só em Mato Grosso do Sul a expectativa é que 176,4 mil famílias recebam a ajuda.

No calendário antecipado, segundo a Econômica Federal, recebem nesta terça-feira aqueles que possuem o NIS (Número de Inscrição Social) com final 1. Na sequência, receberão até o dia 22 de agosto, os números finais de 2 a 0.

O Governo Federal também já divulgou o calendário do pagamento dos R$ 600 do Auxílio Brasil até o mês de dezembro, última data prevista para o pagamento do valor.

Você pode consultar os valores a receber do benefício no aplicativo do Auxílio Brasil ou no Caixa Tem.

Calendário completo do Auxílio Brasil em agosto:

Data de pagamentoQuem recebe
9 de agostoBeneficiários com NIS de final 1
10 de agostoBeneficiários com NIS de final 2
11 de agostoBeneficiários com NIS de final 3
12 de agostoBeneficiários com NIS de final 4
15 de agostoBeneficiários com NIS de final 5
16 de agostoBeneficiários com NIS de final 6
17 de agostoBeneficiários com NIS de final 7
18 de agostoBeneficiários com NIS de final 8
19 de agostoBeneficiários com NIS de final 9
22 de agostoBeneficiários com NIS de final 0
Fonte: Caixa Econômica Federal

Calendário completo do Auxílio Brasil nos meses de setembro, outubro, novembro e dezembro

Quem recebeQuando recebe
NIS de final 119 de setembro18 de outubro17 de novembro12 de dezembro
NIS de final 220 de setembro19 de outubro18 de novembro13 de dezembro
NIS de final 321 de setembro20 de outubro21 de novembro14 de dezembro
NIS de final 422 de setembro21 de outubro22 de novembro15 de dezembro
NIS de final 523 de setembro24 de outubro23 de novembro16 de dezembro
NIS de final 626 de setembro25 de outubro24 de novembro19 de dezembro
NIS de final 727 de setembro26 de outubro25 de novembro20 de dezembro
NIS de final 828 de setembro27 de outubro28 de novembro21 de dezembro
NIS de final 929 de setembro28 de outubro29 de novembro22 de dezembro
NIS de final 1030 de setembro31 de outubro30 de novembro23 de dezembro
Fonte: Caixa Econômica Federal

Novas regras do Auxílio Brasil sancionadas

O texto sancionado prevê o aumento de 35% para 40% a margem consignável dos empregados celetistas, servidores públicos ativos e inativos, pensionistas, militares e empregados públicos.

Os aposentados do Regime Geral de Previdência terão a margem ampliada de 40% para 45%, mesmo valor aplicado a quem recebe BPC ou Renda Mensal Vitalícia. Em todos esses casos, 5% é reservado para operações com cartões de crédito consignado.

A matéria também inclui beneficiários do Auxílio Brasil, que poderão fazer empréstimos de até 40% do valor do benefício, sendo que a responsabilidade sobre a dívida não poderá cair sobre a União.

Dentre os vetos está o dispositivo que determinava que o total de consignações facultativas não passaria de 40% da remuneração mensal do servidor, dos quais 35% destinados exclusivamente a empréstimos, a financiamentos e a arrendamentos mercantis, e 5% destinados exclusivamente à amortização de despesas contraídas por meio de cartão de crédito consignado, ou à utilização com a finalidade de saque por meio de cartão de crédito consignado.

O empréstimo consignado é concedido com desconto automático das parcelas em folha de pagamento ou benefício, sendo que o limite máximo que poderá ser comprometido pelo desconto em folha é a margem consignada. O cartão de crédito consignado funciona como um cartão de crédito na hora da compra, mas a dívida é descontada automaticamente do salário.

Auxílio Brasil de R$ 600 começa a ser pago em agosto

O valor adicional de R$ 200 no Auxílio Brasil vai começar a ser pago em agosto pelo governo federal. A partir desta data, então, o programa vai passar a pagar R$ 600 por mês. A Proposta de Emenda à Constituição 15/2022, chamada de 'PEC das Bondades' ou 'PEC Kamikaze' pelo buraco de R$ 41,2 bilhões que abre no orçamento, foi aprovada no dia 13 de julho, em segundo turno, por 469 votos a favor, 17 contra e duas abstenções.

A PEC ainda determina a ampliação do vale-gás, o pagamento do auxílio para caminhoneiros de R$ 1 mil mensais, chamado e 'PIX Caminhoneiro' e auxílio-gasolina destinado a taxistas, entre outros benefícios. O Auxílio Brasil reajustado passará a valer dia 18, enquanto os repasses a caminhoneiros e taxistas e o vale-gás, no dia 1º.

Veja também

No total, há 34,01 milhões de casos e 679.996 óbitos pela doença

Últimas notícias