Aparecido busca dono de carro em que esqueceu pastas com documentos médicos importantes em Campo Grande

Morador de Nova Alvorada de Sul precisa dos documentos para conseguir realizar cirurgia na coluna
| 24/01/2022
- 22:58
Aparecido esqueceu as pastas dentro de um HB20 verde
Aparecido esqueceu as pastas dentro de um HB20 verde

Um descuido foi suficiente para que Aparecido Antônio da Silva, de 39 anos, esquecesse de duas pastas com documentos importantes para a realização de uma cirurgia, dentro do carro de um motorista de aplicativo, em Campo Grande. Agora, o morador de Nova Alvorada do Sul busca informações que podem trazer a papelada de volta.

Segundo relato ao Jornal Midiamax, foram dois anos juntando a papelada de exames e consultas médicas, que estão nas pastas azul e preta. "É pedido de operação, é laudo médico, atestado [que tem lá]. Quando eu for no INSS, eles pedem tudo isso. Eu estou dois anos afastado e vou ter que pagar para fazer tudo de novo. Só nessa pasta deve ter uns 20 laudos médicos", disse ele. 

Aparecido contou que chegou com a esposa em Campo Grande na segunda-feira passada (17) e na rodoviária encontrou com o motorista de aplicativo, que aceitou fazer uma corrida particular, por volta de 13h30, até o Jardim Noroeste. "Ele foi deixar um passageiro na rodoviária e até cancelou uma outra corrida para fazer essa viagem com a gente", relembrou. Não há informações sobre qual empresa o motorista presta serviços. 

Ele disse que não sabe o nome do motorista, mas que é um senhor moreno, "meio careca" e que estava usando uma camiseta azul e um boné e máscara pretos. O carro era um HB20 verde escuro. Quem tiver informações sobre o motorista pode ligar no número (67) 9 9940-2426.

Corridas 'por fora' 

É comum que alguns motoristas que usam as plataformas de mobilidade urbana, como a e a 99 Pop, também façam corridas particulares, o famoso 'por fora' e garantam um dinheiro a mais no final do dia. Porém, a atividade extra não é recomendada pelas empresas, já que em casos de problemas, como o de Aparecido, o usuários não está amparado. 

motorista particular12

Segundo a Uber, a prática viola os termos de adesão e pode resultar em banimento. "[...] a oferta de viagens fora da plataforma configura uma violação aos Termos e Condições de adesão ao aplicativo.Temos equipes e tecnologias próprias que constantemente analisam viagens suspeitas para identificar violações aos Termos e Condições e, caso comprovadas, banir os envolvidos", diz nota enviada ao Jornal Midiamax.

A empresa também ressalta que toda a solicitação de viagem é feita dentro do app oficial. "Dessa forma, qualquer viagem feita fora desses padrões não é uma viagem de Uber e, portanto, não dispõe das diversas ferramentas de tecnologia e processos de segurança oferecidas pela plataforma, nem é coberta pelo seguro de acidentes pessoais durante viagens na plataforma". 

A reportagem também entrou em contato com a 99 Pop questionando sobre as recomendações da empresa, mas até esta publicação, não houve retorno.

Já a 99 Pop disse, em nota, que somente se responsabiliza pelo serviço que ocorre dentro do app. "Além de ser proibido pela legislação, usuários que adotarem a prática de fazer corridas fora do app não contarão com as funcionalidades de segurança que a companhia oferece. Em comportamentos como esse, que vão contra os Termos de Uso da plataforma, o perfil do condutor pode ser bloqueado", traz o texto.

*Matéria alterada em 25/01/2022 às 13h41 para acréscimo do posicionamento da 99 Pop. 

Veja também

Estudante assinalou a opção de ingresso por cotas, sem ter direito, e foi à Justiça para justificar que cometeu equívoco

Últimas notícias