Cotidiano

'Vida nova': Celulares apreendidos em presídios que serão distribuídos para alunos da Reme já estão com a prefeitura

Com ensino remoto, muitos estudantes em situação de vulnerabilidade enfrentam problemas pela falta de acesso tecnológico

Fábio Oruê Publicado em 15/06/2021, às 12h51

Aparelhos que seriam destruídos vão auxiliar estudantes nos estudos
Aparelhos que seriam destruídos vão auxiliar estudantes nos estudos - Foto: Divulgação

A Semed (Secretaria Municipal de Educação) recebeu os primeiros 198 aparelhos celulares do Projeto Transforme, do MPMS (Ministério Público do Estado de Mato Grosso do Sul), para serem entregues aos alunos da Reme (Rede Municipal de Educação), em situação de vulnerabilidade social.

O objetivo é que eles possam dar continuidade às aulas a distância, realizadas durante o período da pandemia da covid-19. Os celulares foram entregues nesta segunda-feira (14).

Os aparelhos, que foram formatados por alunos do curso de análise de sistemas da Faculdade Estácio de Sá, estão prontos para o uso. A Semed vai organizar e fazer a distribuição dos celulares aos alunos.

Outros 1.203 estão em processo de formatação, na instituição de ensino, os quais, depois da configuração, serão também distribuídos aos alunos da Reme para o uso escolar. 

Esta é a primeira vez que a Secretaria recebe os aparelhos, os quais foram doados pela Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário). No dia 4 de maio deste ano, a Faculdade Estácio de Sá recebeu 1.403 celulares.

Os aparelhos foram apreendidos pela Agepen, quando os reeducandos do sistema penitenciário tentaram ter acesso ilícito. Antes da parceria, os aparelhos serviam de provas em processos penais e, posteriormente, eram descartados com autorização judicial.

A partir de agora, os que se encontram em bom estado de conservação serão entregues ao MPMS, que fará o repasse para uma das instituições de ensino superior parceiras UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), Estácio de Sá ou UCDB (Universidade Católica Dom Bosco).

Jornal Midiamax