Cotidiano

Sonora fecha balneário e amplia restrições mesmo após deixar bandeira vermelha

Município contabiliza 9 mortes por Covid-19 no mês de maio

Danúbia Burema Publicado em 30/05/2021, às 08h07

None
Divulgação

Mesmo após deixar a classificação da bandeira vermelha no Prosseguir, o município de Sonora decidiu aumentar as restrições de circulação para impedir a disseminação do novo coronavírus. A medida foi tomada após nove mortes em decorrência da doença serem registradas na cidade somente no mês de maio. 

Em transmissão pelas redes sociais no sábado (29), o prefeito Enelto Ramos da Silva (DEM) pediu consciência da população em relação ao novo decreto. “Não adianta pedir que as medidas sejam afrouxadas se ninguém faz a sua parte. Vejo pessoas saindo, aglomerando, contribuindo para o aumento do número de casos dessa doença. A nossa equipe de saúde já está exausta, precisamos urgentemente ter consciência do quanto esse momento é delicado. Peço encarecidamente, façam a parte de vocês, respeitem as medidas impostas pelo decreto pois a situação está crítica”, afirmou, ao lado da gerente de saúde do município Indianara Dantas. 

Entre as medidas listadas, o prefeito determinou o fechamento do Balneário Pôr do Sol, liberando acesso somente ao restaurante e no percentual de 50% da capacidade com agendamento prévio. Confira as demais medidas:

  • Toque de recolher passa a ser das 21h às 5h.
  • Bares, conveniências, cafeterias e tabacarias deverão funcionar exclusivamente no sistema delivery, com consumo proibido no local.
  • Lanchonetes, restaurantes, trailers e afins podem funcionar até às 21 horas, atendendo as regras sanitárias, também com lotação máxima de 50% da capacidade. Esses locais não podem vender bebidas alcoólicas para consumo no local.
  • Academias e similares a lotação permitida é de apenas 30% da capacidade, com observância das medidas sanitárias, como a limpeza dos aparelhos entre um aluno e outro.
  • Os esportes coletivos, como futebol, estão proibidos.
  • Nos salões de beleza, casas de estética etc., assim como nos escritórios de profissionais liberais, o atendimento deve ser individualizado, mediante agendamento, sem espera em recepção.
  • Eventos de qualquer natureza estão proibidos, assim como o funcionamento de casas noturnas e afins. 

As regras que haviam sido anteriormente estabelecidas para os demais segmentos permanecem mantido. O novo decreto restritivo é o de nº 958 de 29 de maio de 2021, que entrou em vigor no sábado (29) e segue até 6 de junho. 

Na classificação anterior do Prosseguir, publicada no dia 12 de maio, Sonora integrava a lista de cidades com grau alto de contaminação, chamado de bandeira vermelha. Já na atualização da última quarta-feira (26), a cidade melhorou a situação e passou a integrar o grupo da bandeira laranja, quando o risco é considerado de grau médio de contaminação. 

Jornal Midiamax