Cotidiano

‘Saber nadar não previne afogamentos’: Defesa Civil cria campanha para evitar tragédias

Objetivo da ação é estimular e promover a educação preventiva de jovens e adultos que utilizam locais aquáticos

Ranziel Oliveira Publicado em 28/09/2021, às 17h46

Ilustrativa
Ilustrativa - (Foto: Arquivo/ Jornal Midiamax)

A Defesa Civil de Ribas de Rio Pardo está realizando uma campanha de conscientização e prevenção de afogamentos, além de orientar sobre os devidos cuidados que devem ser tomados nos momentos de diversão com amigos ou familiares.

A medida está sendo implementada após a chegada do período de altas temperaturas, quando os banhos em rios, piscinas e córregos são intensificados. Para que os momentos de lazer não se transformem em tragédia.

 O maior alerta é para os cuidados com as crianças e adolescentes, a orientação é que os pais ou responsáveis estejam a todo momento com eles enquanto estiverem na água, pois qualquer descuido pode ser fatal.

Também o uso de bebida alcoólica é considerado um alto fator de risco, mesmo que a pessoa saiba nadar, uma vez que, alcoolizada, a pessoa reduz a capacidade de entender e sair de situações de risco. Além disso, o álcool reduz a coordenação motora e o perigo de morte por afogamento se torna enorme.

Não tente entrar na água para salvar alguém se houver risco para sua segurança. A melhor forma de ajudar será jogando algum material flutuante para que o banhista possa flutuar, enquanto aguarda o socorro especializado.

As orientações de prevenção a afogamentos:

  • Os pais ou responsável devem sempre estar perto das crianças em todo momento que estiverem na água
  • Saber nadar não previne de afogamentos, evite nadar sozinho ou em locais isolados
  • Se estiver alcoolizado, não entre na água. Seu afogamento pode começar no copo.
  • Caso esteja se afogando não entre em pânico, tente flutuar e peça socorro imediatamente.

Jornal Midiamax