Cotidiano

“Parceiros das mulheres”: selo é criado para empresas que priorizam contratar vítimas de violência

Selo de responsabilidade social é destinado a empresas parceiras de Campo Grande

Graziela Rezende Publicado em 09/12/2021, às 08h19

None
Leonardo de França/Midiamax

Na hora de contratar, um detalhe vai fazer toda a diferença: a escolha por mulheres que, em algum momento, foram vítimas de violência doméstica. É o chamado Selo de Responsabilidade Social “Parceiros das Mulheres”, criado para empresas, entidades sociais e governamentais, além de instituições que atuam em parceria com o município.

Conforme publicação do Diário Oficial de Campo Grande (Diogrande), desta quinta-feira (9), o 1º Selo de Responsabilidade Social contribuirá no desenvolvimento de ações que envolvam a formação, qualificação, preparação e inserção de mulheres vítimas de violência doméstica no mercado de trabalho, na capital sul-mato-grossense.

Ainda de acordo com a publicação, será possível saber o ano em que foi estabelecida a parceria. Desta forma, as empresas e outras instituições devem buscar ações de apoio e capacitação para estas mulheres, buscando também disseminar o empreendedorismo feminino. 

No artigo 4° da publicação, também consta que o órgão municipal competente desenvolverá procedimentos para a concessão e o monitoramento do Selo, sendo ele encaminhado por meio eletrônico, acompanhado de ofício e certificado.

Consta na publicação ainda que as parcerias também serão monitoradas e, caso a empresa ou instituição viole algum dos artigos, perderá o direito ao uso do selo e deverá retirá-lo de qualquer publicidade no prazo máximo de seis meses. 

Jornal Midiamax