Cotidiano

Morre o empresário Paulo Renato Dolzan, aos 73 anos, em Campo Grande

Natural de Lagoa Vermelha (RS), ele vivia em Mato Grosso do Sul desde a década de 1970

Jones Mário Publicado em 11/04/2021, às 13h37

Empresário Paulo Renato Dolzan
Empresário Paulo Renato Dolzan - Reprodução/Facebook

Morreu hoje (11), em Campo Grande, o empresário Paulo Renato Dolzan, aos 73 anos. A informação foi confirmada pelo sobrinho, Adriano Dolzan. A causa da morte não foi divulgada. 

O empresário faleceu em casa. Segundo o sobrinho, Dolzan teve covid-19 e chegou a ser hospitalizado há aproximadamente três meses, mas superou a infecção. Inclusive, foi vacinado recentemente contra a doença.

Natural de Lagoa Vermelha, no Rio Grande do Sul, Paulo Renato Dolzan foi vereador de dois mandatos pelo município, filiado à Arena, antes de se mudar para o então Mato Grosso uno, em 1977. No ano seguinte, ele e a esposa, Mara Lúcia Potrich Dolzan, investiram no plantio de soja em Maracaju.

O empresário administrava com a companheira a Galeria Mara Dolzan, em Campo Grande, fundada em 1999 para expor obras de arte contemporânea. O local funciona até hoje e já figurou entre as principais galerias de arte do País pela revista Casa Vogue.

Paulo Renato Dolzan também tentou seguir carreira na política em Mato Grosso do Sul. Em 2014, foi candidato a deputado estadual pelo PTN.

Além da esposa, o empresário deixa três filhos - Luciano, Renata e Lucas.

Ainda não há informações sobre velório e sepultamento.

Jornal Midiamax