Cotidiano

Fiocruz realiza pesquisa sobre Covid com doadores de sangue do Hemosul de Campo Grande

Estudo deve durar seis meses na Capital

Dândara Genelhú Publicado em 14/05/2021, às 18h27

Participação é feita com teste rápido de Covid-19.
Participação é feita com teste rápido de Covid-19. - Foto: Reprodução.

Doadores de sangue de Campo Grande podem participar de uma pesquisa da Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz) de Mato Grosso do Sul. Quando forem fazer a doação no Hemosul da Capital, podem realizar teste rápido de Covid-19 para o estudo.

O estudo possui parceria com a SES (Secretaria de Estado de Saúde) e o Hemosul. De acordo com a Fundação, é “um estudo para detectar a presença de anticorpos da Covid-19 em doadores de sangue”.

Assim, doadores que forem até o Hemosul de Campo Grande serão convidados a participar. A previsão é que a pesquisa dure no mínimo seis meses.

A Fiocruz explica que a participação é rápida. “É coletada uma gota de sangue do doador, que é submetida a um kit de teste IgG e IgM para detectar se a pessoa já esteve em contato prévio com o vírus SARS-CoV-2 ou se já apresenta uma resposta à vacina”. O resultado sai em 15 minutos e é comunicado ao participante e a coleta é feita no momento da triagem para doação.

Jornal Midiamax