Cotidiano

Cosems pede vacinação contra covid para crianças de 3 a 17 anos em MS ao Ministério da Saúde

Conselho quer iniciar planejamento do retorno de aulas presenciais no Estado

Gabriel Maymone Publicado em 19/07/2021, às 11h25

MS aguarda aval do Ministério da Saúde para iniciar vacinação de crianças e adolescentes
MS aguarda aval do Ministério da Saúde para iniciar vacinação de crianças e adolescentes - Leonardo de França / Midiamax

O Cosems (Conselho de Secretarias Municipais de Saúde de Mato Grosso do Sul) oficializou, nesta segunda-feira (19), o pedido ao Ministério da Saúde para os municípios iniciarem a vacinação contra covid em crianças a partir de 3 anos até adolescentes de 17.

Conforme o ofício encaminhado ao ministro Marcelo Queiroga, o objetivo é iniciar o retorno das aulas presenciais em todo MS "minimizando os grandes prejuízos causados ao Setor da Educação".

O documento assinado pelo presidente do conselho, Rogério Leite, considera que estudos publicados pela revista científica Lancet com o imunizante CoronaVac indicam a segurança e indução de resposta imune em crianças e adolescentes na faixa etária de 3 a 17 anos.

O presidente considerou, ainda, a divulgação da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) que autorizou a Pfizer a utilizar a vacina em adolescentes acima de 12 anos.

Dessa forma, o Cosems solicitou que crianças a partir de 3 anos possam ser vacinadas com CoronaVac e, a partir dos 12 anos, com Pfizer.

Por fim, foi solicitado que, caso não seja possível a inclusão dessa nova faixa etária no Programa Nacional de Imunização, que o governo federal possa aceitar um projeto com a Participação do Ministério da Saúde e da Educação, com vista ao planejamento do retorno das aulas presenciais.

Jornal Midiamax