Com sinais de estupro, menina de 11 anos despenca de paredão de 20 metros e morre. Veja no Midiamax Diário

Criança kaiowá tinha sinais de estupro e polícia apura se acontecia ‘festa’ no paredão que divide aldeias em Dourados
| 10/08/2021
- 11:00
Com sinais de estupro, menina de 11 anos despenca de paredão de 20 metros e morre. Veja no Midiamax Diário
Edição impressa é distribuída gratuitamente em terminais de ônibus e em mais de 40 pontos da cidade - Reprodução

A edição desta terça-feira (10) do destaca a tragédia registrada em uma pedreira que divide duas aldeias indígenas de Dourados, onde uma criança, de 11 anos, despencou de um paredão de cerca de 20 metros de altura e morreu. As autoridades apuram se a vítima foi estuprada antes da queda.

A inauguração da reforma do Internacional de Campo Grande e a apresentação do autor do duplo atropelamento com mortes na Avenida Cônsul Assaf Trad também estão na edição do dia, que ainda fala sobre as ações de recapeamento na cidade e no avanço da vacinação contra a Covid-19 no interior do Estado: em 50 municípios, a aplicação da 1ª dose na população adulta já foi concluída.

A versão impressa do Jornal Midiamax também traz reportagem apontando que a Prefeitura de Campo Grande já admite novas flexibilizações de regras de biossegurança com o avanço da vacinação, incluindo o fim do polêmico toque de recolher.

O Midiamax Diário é distribuído gratuitamente nos terminais de ônibus e em mais de 40 pontos na periferia. Você pode acompanhar a versão online do jornal abaixo ou na banca virtual Issuu.

Veja também

Orientação é beber bastante água e evitar exposição ao sol

Últimas notícias