Cotidiano

Com época de seca, peões e ribeirinhos estão sendo treinados para controlar incêndios

Grupos estão sendo cadastrados para formação de brigadas

Fábio Oruê Publicado em 14/05/2021, às 18h52

Peões recebendo orientações do Corpo de Bombeiros
Peões recebendo orientações do Corpo de Bombeiros - Foto: Divulgação

Com decreto de emergência ambiental por 180 dias em vigência, peões de fazenda e ribeirinhos estão sendo treinados para combaterem eventuais incêndios na vegetação. 

Além disso, esses grupos estão sendo cadastrados. Eles recebem noções básicas para evitar o fogo com limpeza das áreas e proteção de suas casas. A formação dos brigadistas já está em curso em Corumbá, onde equipes do 3º Grupamento do Corpo de Bombeiros, em revezamento, estão percorrendo as propriedades rurais.

Além da formação das novas brigadas de incêndios, está sendo realizado o levantamento da logística para garantir acessos por terra a regiões isoladas e monitoramento constante das áreas críticas.

Nesta semana, a Semagro (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar) lança a campanha “Pantanal Sem Cinzas”, um alerta à sociedade de mais um ano crítico e a importância de se evitar novo desastre ambiental e econômico.

Jornal Midiamax