Cotidiano

Com danos materiais, churrascaria que sofreu incêndio no domingo passa por reforma e deve reabrir na quinta

Gerente detalhou dinâmica do incêndio, detalhou que foi acidente, e destacou que não haverá demissões

Ranziel Oliveira Publicado em 21/06/2021, às 15h42

Local já passa por reforma
Local já passa por reforma - (Foto: Leonardo de França / Jornal Midiamax)

Após o incêndio que no último domingo (20) destruiu uma parte da churrascaria Nativas, localizada na avenida Afonso Pena, o local já tem data provável para reabertura, esperada para a próxima quinta-feira (24). Foi o que afirmou ao Jornal Midiamax o gerente do restaurante, que também deu detalhes sobre a dinâmica do incêndio.

Conforme o relato de Ivam Carlos Pedroso, responsável pelo local, o fogo começou na churrasqueira localizada no térreo, onde peças de costela e de cupim, enroladas em papel celofane, e que naturalmente acumulam gordura. Segundo o gerente, a gordura teria estourado e entrado em contato com o fogo - o que gerou as labaredas. A partir disso, as chamas se alastraram pela coifa/chaminé e, na sequência, atingiram um escritório localizado no primeiro andar do prédio.

No andar de cima, o forro era de PVC - diferente do salão, onde a estrutura é de gesso. Como o PVC é inflamável, acabou facilitando a propagação das chamas, somadas aos materiais de escritório naquele recinto.

Sem vítimas graves

O restaurante já estava fechado e sem clientes durante o incêndio, mas 30 funcionários estavam no local: eles tentaram combater o incêndio com 10 extintores. “Quando os extintores acabaram e vimos que não íamos dar conta, nós chamamos os bombeiros e evacuamos o lugar”, detalhou Ivam. Ele também pontuou que os danos foram somente materiais, no forro do segundo andar e escritório. Apenas dois funcionários chegaram a ser encaminhados para as unidades de saúde devido à inalação de fumaça e já estão bem, ajudando na reorganização da churrascaria.

Na tarde desta segunda-feira (21), o local está passando por reparos e pela substituição de todo forro de PVC por gesso. “Provavelmente, no máximo até quinta-feira (24), já estará funcionando”, disse ele. O gerente ainda reforça que foi um acidente e que nenhum funcionário será demitido.

O incêndio 

O Corpo de Bombeiros foi acionado para um incêndio na Churrascaria Nativas nos altos da Avenida Afonso Pena em Campo Grande, na noite do último domingo (20). Dois funcionários foram levados para atendimento pelos Bombeiros após inalar fumaça. Um deles foi encaminhado consciente à UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Coronel e outro à Santa Casa para realização de oxigenoterapia.

O fogo teve iniciou em uma churrasqueira no primeiro andar e se alastrou através da chaminé para o teto e, consequentemente, para o segundo andar. O primeiro combate das chamas foi feito por uma brigada de um Pet shop, vizinho ao prédio. Ao todo, foram utilizados 20 mil litros de água. Destes, 5 mil litros de água, foram cedidos pela brigada vizinha. Dez viaturas dos bombeiros, 40 militares e duas do Trânsito da Polícia Militar foram acionados.

Jornal Midiamax