Cotidiano

Sem aulas presenciais há mais de cinco meses, escolas municipais de Dourados terão recesso

Fechadas para o atendimento presencial de alunos desde o início da pandemia, as escolas da Reme (Rede Municipal de Ensino de Dourados) terão recesso entre os dias os dias 31 de agosto e 5 de setembro. É o que estabelece uma Resolução datada de 24 de agosto e publicada na edição do Diário Oficial Oficial […]

Marcos Morandi Publicado em 27/08/2020, às 07h26

Alunos da Rede Municipal de Ensino de Dourados. (Foto: Reprodução).
Alunos da Rede Municipal de Ensino de Dourados. (Foto: Reprodução). - Alunos da Rede Municipal de Ensino de Dourados. (Foto: Reprodução).

Fechadas para o atendimento presencial de alunos desde o início da pandemia, as escolas da Reme (Rede Municipal de Ensino de Dourados) terão recesso entre os dias os dias 31 de agosto e 5 de setembro. É o que estabelece uma Resolução datada de 24 de agosto e publicada na edição do Diário Oficial Oficial do Município desta quarta-feira (26).

O recesso escolar foi determinado pelo secretário de Educação Upiran Gonçalves, que também programou o retorno das atividades, que continuarão remotas,  para o dia 8 de setembro, logo após o feriado da Independência. A medida, segundo ele, não trará prejuízos ou alterações no calendário escolar e acompanha decisão tomada pela Secretaria de Estado de Educação no dia 20 de agosto.

Município alega que as mudanças no cotidiano da comunidade escolar e dos servidores foram alteradas com a pandemia, causando sobrecarga de trabalho a todos os envolvidos. Durante o período de recesso, cada escola ou Ceim (Centro de Educação Infantil) terá que manter escala de pelo menos um servidor do quadro administrativo nos locais.

O retorno presencial das atividades escolares em Dourados ainda não foi definido. Segundo o secretário municipal de Educação um estudo já foi solicitado para o Comitê de Gerenciamento de Crise do Coronavírus. O município, por determinação do MPMS (Ministério Público de Mato Grosso do Sul) também terá apresentar um plano de biossegurança.

Jornal Midiamax