Perigo na avenida: moradores denunciam boiada nas ruas da Vila Nasser

Moradores da Vila Nasser se deparam com rebanho bovino no canteiro central da Avenida São Nicolau, na noite desta quinta-feira (25). Moradores da avenida flagraram o momento em que os animais transitavam tranquilamente pelo canteiro. Ninguém acompanhava o gado Aparentemente, mais de vinte animais aparecem no canteiro. Ainda segundo populares, a polícia foi acionada para […]
| 26/06/2020
- 02:34
Perigo na avenida: moradores denunciam boiada nas ruas da Vila Nasser
Animais no canteiro central do bairro (Via WhatsApp) - Animais no canteiro central do bairro (Via WhatsApp)

Moradores da se deparam com rebanho bovino no canteiro central da Avenida São Nicolau, na noite desta quinta-feira (25). Moradores da avenida flagraram o momento em que os animais transitavam tranquilamente pelo canteiro. Ninguém acompanhava o gado

Perigo na avenida: moradores denunciam boiada nas ruas da Vila Nasser
Via WhatsApp

Aparentemente, mais de vinte animais aparecem no canteiro. Ainda segundo populares, a polícia foi acionada para averiguar a situação. Quem mora na região, acredita que a boiada pode ter escapado de alguma chácara próxima.

A PMA (Polícia Militar Ambiental) informou à reportagem que não há crime ambiental na situação, porém, podem haver infrações como colocar em risco a segurança de alguma pessoa, do trânsito ou infrações administrativas de ordem urbana, por parte da prefeitura.

Touro solto na rua

Em fevereiro deste ano, um touro solto na rua deixou duas pessoas feridas no cruzamento da Avenida Gury Marques com a Avenida Guaicurus, em Campo Grande. No boletim de ocorrência, consta o relato da motociclista de 48 anos que se feriu. Ela informou que seguia pela Guaicurus, quando a cerca de 50 metros da UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Universitário, após ter passado pelo canteiro, se deparou com o animal de grande porte, com chifres. A vítima disse que o animal estava furioso e a atingiu na perna esquerda, jogando-a na pista, causando ferimentos.

Segundos antes, a mulher viu o animal se aproximando e tentou arrancar com a moto, mas foi golpeada. Logo em seguida, um rapaz de moto e um ciclista a socorreram, distraindo o touro. A vítima pontua que o touro arrastou sua motocicleta. Ela recebeu socorro na UPA das , onde foi constatado que houve ferimentos, mas sem lesão.  O dono do animal foi indiciado por omissão de e lesão corporal. Um mês antes deste ocorrido, outro touro invadiu o residencial Patrícia Galvão, localizado na avenida dos Cafezais.

Veja também

A expectativa em torno da inflação nos Estados Unidos interrompeu a sequência de três quedas...

Últimas notícias