Cotidiano

Motociclista arremessado após colidir em carro parado passa por cirurgias

O motociclista de 27 anos que ficou em estado grave após acidente de trânsito na manhã de domingo (5), na Avenida Conde de Boa Vista, passou por cirurgia na Santa Casa de Campo Grande. Ele não usava capacete no momento do acidente e segue internado, sedado e entubado. Conforme as informações do hospital, ele está […]

Renata Portela Publicado em 06/01/2020, às 08h36

Com impacto rapaz foi arremessado para a calçada e foi socorrido em estado gravíssimo. Renata Portela | Jornal Midiamax)
Com impacto rapaz foi arremessado para a calçada e foi socorrido em estado gravíssimo. Renata Portela | Jornal Midiamax) - Com impacto rapaz foi arremessado para a calçada e foi socorrido em estado gravíssimo. Renata Portela | Jornal Midiamax)

O motociclista de 27 anos que ficou em estado grave após acidente de trânsito na manhã de domingo (5), na Avenida Conde de Boa Vista, passou por cirurgia na Santa Casa de Campo Grande. Ele não usava capacete no momento do acidente e segue internado, sedado e entubado.

Conforme as informações do hospital, ele está no CTI (Centro de Terapia Intensiva), sedado e entubado e em recuperação dos procedimentos cirúrgicos. Ele passou por neurocirurgia, também cirurgia bucomaxilofacial (na região do maxilar), além de ortopedia. Todos os procedimentos foram feitos ainda na noite de domingo.

O estado de saúde do rapaz, que teve politraumatismo, é considerado grave.

Colisão em carro parado

Motociclista arremessado após colidir em carro parado passa por cirurgias
(Foto: Renata Portela | Jornal Midiamax)

No fim da manhã de domingo, um Corsa e um Palio estavam parados na Avenida Conde de Boa Vista quando o motociclista colidiu na traseira do Palio. Com o impacto, o vidro traseiro do Palio estourou e cacos caíram sobre o menino de 9 anos que estava no banco de passageiros. No veículo estava o condutor de 30 anos, uma mulher e a criança.

Com o impacto, o motociclista chegou a ser arremessado da motocicleta. Ele não usava capacete e caiu na calçada, sofrendo vários ferimentos graves. O Palio chegou a ser empurrado no momento da batida e colidiu no Corsa, que estava na frente, onde estavam outras duas pessoas. Além do motociclista, não houve outros feridos.

Um bombeiro que estava à paisana no local acionou o Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) por conta da gravidade do caso e o homem foi socorrido e levado ao hospital. Ele não portava documentos e foi identificado posteriormente. Ele deve responder pelo acidente e o caso foi registrado pelo Batalhão de Trânsito da Polícia Militar.

Jornal Midiamax