Cotidiano

Auxílio emergencial: liberados saques e transferências para aprovados no 3º lote

Ao todo, 5,9 milhões de beneficiários do auxílio emergencial poderão realizar saques e transferências a partir desta terça-feira (14).

Gabriel Maymone Publicado em 14/07/2020, às 07h57 - Atualizado em 27/07/2020, às 09h45

(Foto: Leonardo de França, Midiamax)
(Foto: Leonardo de França, Midiamax) - (Foto: Leonardo de França, Midiamax)

Estão liberados a partir desta terça-feira (14) os saques e transferências da primeira parcela do Auxílio Emergencial para os aprovados no terceiro lote do programa. A Caixa Econômica Federal libera, também, as movimentações aos nascidos entre outubro e dezembro, que somam 1,2 milhão de trabalhadores. Ao todo, são 5,9 milhões de beneficiários.

Vale ressaltar que os beneficiários já podem utilizar o dinheiro via poupança social digital por meio do aplicativo Caixa Tem. O valor do auxílio foi depositado entre os dias 16 e 17 de junho. Nesta segunda, já foi disponibilizado o saque e transferência para os nascidos entre julho e setembro.  Segundo a Caixa, ao todo, o lote inclui 5,9 milhões de beneficiários.

A segunda parcela para os aprovados deste terceiro lote, no entanto, ainda não tem data definida.

Conforme balanço divulgado pelo banco, o Auxílio Emergencial já foi pago a 65,4 milhões de pessoas, sendo que 19,2 milhões são inscritos no programa Bolsa Famílias. Outros 10,5 milhões fazem parte do CadÚnico e 35,7 milhões se inscreveram pelo aplicativo.

Falhas

Na segunda-feira (13), leitores do Jornal Midiamax relataram falhas no aplicativo Caixa Tem, utilizado para movimentar recursos do auxílio e saques do FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço).

A Caixa informou que o sistema recebe milhões de acessos e que, dependendo do horário, pode haver lentidão. Porém, muitos usuários estariam conseguindo concluir as transações.

O banco recomenda que, sempre que for utilizar o aplicativo, o usuário verifique se existe alguma versão atualizada, pois o setor de tecnologia lança atualizações diariamente.

Jornal Midiamax