As relações entre o cristianismo e a ciência são temas de seminário na UFMS

No dia 5 de novembro, será transmitido pelo Youtube, o Seminário On-line Cristianismo e Ciência. O evento é realizado pela UFMS, com apoio da Fundação de Apoio à Pesquisa, ao Ensino e à Cultura, Associação Brasileira Cristãos na Ciência e Editora Monergismo. “O evento vai tratar de assuntos relacionados a questões fundamentais acerca do mundo […]
| 01/11/2020
- 01:37
As relações entre o cristianismo e a ciência são temas de seminário na UFMS
(Foto: Marcos Ermínio) - (Foto: Marcos Ermínio)

No dia 5 de novembro, será transmitido pelo Youtube, o Seminário On-line Cristianismo e Ciência. O evento é realizado pela UFMS, com apoio da Fundação de Apoio à Pesquisa, ao Ensino e à Cultura, Associação Brasileira Cristãos na Ciência e Editora Monergismo. “O evento vai tratar de assuntos relacionados a questões fundamentais acerca do mundo e nosso lugar no mundo. Muitas dessas questões possuem implicações para nossas vidas diárias, e todas elas são fascinantes e intelectualmente desafiadoras”, ressalta o coordenado do Seminário e professor da Faculdade de Engenharias, e Urbanismo e Geografia (Faeng) Johannes Janzen.

O evento é aberto a participação da comunidade acadêmica e público em geral. “Na UFMS, há o grupo de pesquisa Arte, Conhecimento e Cristianismo. O grupo propõe fomentar estudos que apontem para uma concepção integradora do ser humano, tomando como eixo para encaminhamento dos trabalhos a articulação entre três elementos centrais na constituição do ser e do fazer que caracterizam o mundo ocidental dos últimos milênios: o artístico, o cultural e o cristão”, comenta Johannes. De acordo com o professor, o seminário integra uma das ações do grupo que tem realizado eventos de formação, grupos de estudo, além de fomentar a produção científica e artística por meio de artigos e concertos.

“A relação deste evento com os cursos de graduação e de pós-graduação da UFMS se dará através da abordagem de assuntos que fazem parte da formação dos seus acadêmicos, tais como Epistemologia, Filosofia da Ciência, Filosofia da Religião, História da Ciência e Neurociência”, comenta Johannes.

De acordo com o professor, falar sobre a relação entre a ciência e o Cristianismo em um encontro científico parece, ainda, quebrar um tabu. Entretanto, segundo ele, durante os últimos anos surgiram grande quantidade de sociedades dedicadas ao diálogo entre ciência e religião. “Dentre as sociedades internacionais, podem ser citadas a Sociedade Europeia para Estudos da Ciência e Teologia, Fórum de Ciência e Religião, Centro Berkeley para Teologia e Ciência Natural. No Brasil, nós temos, por exemplo, a Associação Brasileira de Cristãos na Ciência (ABC²) que reúne pesquisadores de diversas áreas acadêmicas e profissionais do campo eclesiástico que professam a fé cristã que pensam, estudam e debatem a relação entre a ciência e fé a partir das mais diversas perspectivas (filosóficas, históricas, teológicas, educacionais, dentre outras) promovendo a comunicação e a integração entre a comunidade cristã e o campo científico no Brasil”, explica.

“Surgiram também nos últimos anos conferências patrocinadas, por exemplo, pelo Centro Berkeley e pelo Observatório do , contando com a participação de proeminentes cientistas, como Stephen Hawking e Paul Davies, e teólogos, como John Polkinghorne e Wolfhart Pannenberg. Existem também periódicos dedicados ao diálogo entre ciência e religião, inclusive no contexto da educação de nível superior, como Zygon e Perspectivas na Ciência e Fé Cristã. Periódicos não especializados na relação ciência e teologia, como a Nature e o Jornal Britânico para Filosofia da Ciência, também têm publicado sobre este assunto. A Fundação Templeton, por exemplo, concede o prêmio Templeton para pensadores em Ciência e Religião”, fala o coordenador do Seminário.

Em relação às expectativas, o professor da Faeng ressalta que o seminário pode trazer muitas contribuições aos participantes como, estabelecer novos contatos com profissionais e pesquisadores da área de Ciência e Cristianismo, além do aprofundamento dos temas ligados às pesquisas do grupo Arte, conhecimento e Cristianismo da UFMS e dos programas de pós-graduação nesta área de outras instituições de pesquisa, bem como possibilitar a percepção do contexto educacional em uma dimensão mais ampla.

A programação e os QR Codes para participar do evento estão disponíveis no folheto eletrônico. Não haverá necessidade de inscrições prévias. (Informações da assessoria)

Veja também

Uma nova frente fria deve chegar ao Estado entre os dias 29 e 30

Últimas notícias