Cotidiano

VÍDEO: Manifestantes interditam rodovia para protestar contra cortes na educação

Na manhã desta quinta-feira (30), grupo de manifestantes interditaram parte do trecho da Avenida Guaicurus, em Dourados – distante a 225 quilômetros de Campo Grande – para protestar contra os cortes do governo federal na educação. A avenida dá acesso para a rodovia MS-162 que liga os trechos de Dourados e Itahum. A via dá […]

Vinícius Costa Publicado em 30/05/2019, às 07h43 - Atualizado às 07h49

Trabalhadores da educação fecharam trecho da MS-162 em Dourados. (Foto: Divulgação)
Trabalhadores da educação fecharam trecho da MS-162 em Dourados. (Foto: Divulgação) - Trabalhadores da educação fecharam trecho da MS-162 em Dourados. (Foto: Divulgação)

Na manhã desta quinta-feira (30), grupo de manifestantes interditaram parte do trecho da Avenida Guaicurus, em Dourados – distante a 225 quilômetros de Campo Grande – para protestar contra os cortes do governo federal na educação. A avenida dá acesso para a rodovia MS-162 que liga os trechos de Dourados e Itahum.

A via dá acesso a locais importantes da cidade como à Cidade Universitária, Exército Brasileiro e o Aeroporto Regional de Dourados. A mobilização teve início bem cedo, por volta das 6h15 da manhã. O protesto estaria acontecendo de maneira pacífica.

Várias faixas estavam sendo carregadas pelos manifestantes e em uma delas é possível identificar que as reclamações estão sendo direcionadas para a reforma da previdência e gritos contra o atual governo do presidente Jair Bolsonaro. “Trabalhadores e estudantes contra a reforma da previdência”, dizia uma das faixas e “não é mole não, tem dinheiro para ministra, mas não tem para educação”, era um dos cânticos.

A Polícia Militar Rodoviária estaria no local coordenando o trânsito que daria acesso para a UFGD (Universidade Federal da Grande Dourados) e o campus da UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul). De acordo com o Dourados News, uma unidade do Corpo de Bombeiros foi acionada, pois os manifestantes teriam ateado fogo em pneus e madeiras.

Jornal Midiamax

☰ Últimas Notícias