Cotidiano

Sem limpeza, residência vira foco de doenças e incomoda vizinhos no Universitário

Uma residência localizada na rua Aluizio Gomes da Silva Filho, no bairro Universitário, está incomodando os vizinhos, tamanho o descaso dos proprietários. Além de matagal, o local está repleto de resíduos e focos de insetos como mosquito Aedes aegypti, escorpiões e outros. Segundo um dos vizinhos que preferiu não se identificar, informou que no local […]

Ana Paula Chuva Publicado em 29/01/2019, às 16h34 - Atualizado às 16h41

(Foto: WhatsApp)
(Foto: WhatsApp) - (Foto: WhatsApp)

Uma residência localizada na rua Aluizio Gomes da Silva Filho, no bairro Universitário, está incomodando os vizinhos, tamanho o descaso dos proprietários. Além de matagal, o local está repleto de resíduos e focos de insetos como mosquito Aedes aegypti, escorpiões e outros.

Segundo um dos vizinhos que preferiu não se identificar, informou que no local mora um casal e a esposa seria cadeirante. “Já tentamos de várias formas intervir na situação. Os agentes de saúde da região também fizeram várias notificações, mas sem sucesso”, contou o rapaz.

Ainda segundo a vizinhança, não é a primeira vez que eles passam por esse problema com essa casa. “No ano passado chegaram a fazer até reportagem desse lugar. Mas até agora o poder público não resolveu. Resolver essa situação ajudaria muito nossa comunidade”, concluiu.

Prefeitura

A SESAU (Secretaria Municipal de Saúde), informou ao Jornal Midiamax que enviará uma equipe da CCEV (Coordenadoria de Controle de Endemias Vetoriais) até a residência para orientar os moradores quanto aos cuidados necessários para evitar a proliferação do mosquito Aedes aegypit.
Vale lembrar que em situações semelhantes, moradores devem denunciar na Ouvidoria SUS que atende pelo telefone 3314-9955, das 7h às 22h ou pessoalmente na Rua Bahia 280, das 7h às 17h. A denúncia é encaminha para a CCEV que envia uma equipe para verificar a situação e se for o caso notificar o proprietário. Em não solucionando o problema, pode ser aberto processo administrativo o proprietário responder por infração ao Código Sanitário e ser penalizado com multa.
Jornal Midiamax