Protetora recebe notificação do CCZ por alimentar animais de rua

Uma moradora do bairro Monte Castelo foi notificada pelo CCZ (Centro De Controle De Zoonoses) nesta sexta-feira (06) por alimentar animais de rua. Ela foi denunciada por um vizinho após deixar alimento e água para os gatos de rua na calçada de sua casa. No caso, a protetora apenas recebeu um termo de orientação sobre […]
| 07/09/2019
- 17:37
(Foto: Reprodução/CanaldoPet)
(Foto: Reprodução/CanaldoPet) - (Foto: Reprodução/CanaldoPet)

Uma moradora do bairro Monte Castelo foi notificada pelo CCZ (Centro De Controle De Zoonoses) nesta sexta-feira (06) por alimentar animais de rua. Ela foi denunciada por um vizinho após deixar alimento e água para os gatos de rua na calçada de sua casa.

No caso, a protetora apenas recebeu um termo de orientação sobre o ocorrido. Nessa situação, a pessoa não sofre nenhuma sanção administrativa nem multa, porém fica ciente de que ela está cometendo um ato que afeta a coletividade.

De acordo com o CCZ, alimentar animais de rua não é recomendado, pois além de ocasionar transtornos à população circunvizinha, acarreta na involuntária destes moradores a situações de insalubridade e risco de zoonoses, o que se enquadra nos artigos 67 e 68 da Lei Complementar 148 de 23 de dezembro de 2009.

“O CCZ tem atuado para tentar coibir os frequentes casos de maus tratos e abandono de animais, o que consequentemente geram situações como esta, onde as pessoas acabam se sensibilizando, entretanto agem de encontro com legislação vigente. Caso a pessoa se depare com um animal nestas condições é recomendado que o CCZ seja acionado imediatamente para fazer o recolhimento deste animal”, informou a assessoria.

Veja também

Resolução emergencial foi emitida após Mato Grosso do Sul registrar mais 9 suspeitas da varíola dos macacos em 24h

Últimas notícias