Cotidiano

PM entrega Medalha Tiradentes e prêmio Ana Neize Baltha

Teve início por volta das 17 horas desta quarta-feira a outorga da Medalha Tiradentes e do Prêmio Tenente-Coronel PM Ana Neize Baltha. O evento é realizado no Palácio Tiradentes, sede do comando-geral da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul, em Campo Grande.  A cerimônia teve início com apresentação do balanço das ações policiais realizadas […]

Renan Nucci Publicado em 17/04/2019, às 18h00 - Atualizado em 18/04/2019, às 09h23

Foto: Dayene Paz.
Foto: Dayene Paz. - Foto: Dayene Paz.

Teve início por volta das 17 horas desta quarta-feira a outorga da Medalha Tiradentes e do Prêmio Tenente-Coronel PM Ana Neize Baltha. O evento é realizado no Palácio Tiradentes, sede do comando-geral da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul, em Campo Grande. 

A cerimônia teve início com apresentação do balanço das ações policiais realizadas nos últimos meses. A solenidade militar comemora o dia do Patrono das Polícias Militares do Brasil, o Alferes Joaquim José da Silva Xavier (Tiradentes), mártir da Inconfidência Mineira, que serve de inspiração para os policiais militares que veem, na figura histórica de Tiradentes, exemplos de dignidade, honestidade, luta pelas ideias de igualdade e pela melhoria de vida do povo brasileiro.

A Medalha Tiradentes foi criada pelo decreto nº 1.542 de 25 de fevereiro de 1982, pelo então governador do estado, Dr. Pedro Pedrossian e é destinada a homenagear civis e militares que tenham prestado assinalados serviços à corporação, e policiais militares que, no seio da classe, tenham se destacado pelo seu valor pessoal e profissional de modo a contribuir para o aperfeiçoamento e projeção da instituição no âmbito nacional e estadual.

Já o Prêmio Tenente-Coronel PM Ana Neize Baltha é destinado a homenagear mulheres policiais, militares, servidoras públicas e mulheres da sociedade civil que tenham demonstrado ao longo do tempo dedicação e trabalho em prol de uma segurança pública mais humana, democrática e comunitária.

Jornal Midiamax