Cotidiano

No aniversário do PCC, Gameleira fica sem luz e previsão é de restabelecimento às 22h

O fornecimento de energia elétrica da Colônia Penal Agroindustrial da Gameleira, na região do Dom Antônio Barbosa, foi interrompido durante a chuva que caiu em Campo Grande na noite deste sábado (31). Porém, mesmo com o fim da chuva, a energia não foi restabelecida. Toda a região teria sido atingida. Durante a queda de energia, […]

Guilherme Cavalcante Publicado em 31/08/2019, às 20h59 - Atualizado às 22h02

(Arquivo, Jornal Midiamax)
(Arquivo, Jornal Midiamax) - (Arquivo, Jornal Midiamax)

O fornecimento de energia elétrica da Colônia Penal Agroindustrial da Gameleira, na região do Dom Antônio Barbosa, foi interrompido durante a chuva que caiu em Campo Grande na noite deste sábado (31). Porém, mesmo com o fim da chuva, a energia não foi restabelecida. Toda a região teria sido atingida.

Durante a queda de energia, internos teriam provocado momentos de tensão ao gritarem o nome do PCC (Primeiro Comando da Capital), que faz aniversário neste dia 31. Segundo informações preliminares, apenas seis servidores estariam na colônia, que tem cerca de 1.300 detentos.

Procurado pela reportagem, o titular da Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública), Antonio Carlos Videira, destacou que a Energisa informou prazo de religação de 4 horas, com prazo de término da manutenção às 22h.

“Mas nesta data temos um reforço das forças policiais. Força Tática, Bope, inteligência, estão todos de prontidão para garantir a segurança das unidades prisionais do Estado. O grupo gerador [da Gameleira] também está trabalhando, com atuação de 10 minutos e intervalo de 5. Temos estoque regulador de combustível, que também permitiria virar a noite neste esquema”, conclui o secretário.

Por meio de nota, a Energisa informou que  a interrupção de energia na região da Gameleira foi ocasionada pela chuva e que equipe da concessionária “foram acionadas, de imediato, e direcionadas para o local para efetuar os reparos na rede elétrica”, com previsão para que até Às 22h30 o fornecimento seja restabelecido.

* Matéria alterada às 22h03 para acréscimo de informações.

Jornal Midiamax