Cotidiano

Ex-combatente de MS que encarou a II Guerra Mundial morre aos 96 anos

O veterano ex-combatente Manoel Castro Siqueira, de 96 anos morreu na tarde deste domingo (24) em sua residência, em Campo Grande. Siqueira era natural da cidade de Amabaí, mas passou boa parte da sua vida morando na capital sul-mato-grossense. A causa da morte não foi divulgada. O solado integrou a FEB (Força Expedicionária Brasileira), como […]

Vinícius Costa Publicado em 24/11/2019, às 21h08 - Atualizado em 25/11/2019, às 09h05

(Foto: Divulgação, Exército Brasileiro)
(Foto: Divulgação, Exército Brasileiro) - (Foto: Divulgação, Exército Brasileiro)

O veterano ex-combatente Manoel Castro Siqueira, de 96 anos morreu na tarde deste domingo (24) em sua residência, em Campo Grande. Siqueira era natural da cidade de Amabaí, mas passou boa parte da sua vida morando na capital sul-mato-grossense. A causa da morte não foi divulgada.

O solado integrou a FEB (Força Expedicionária Brasileira), como Soldado, no 6º Regimento de Infantaria (6º RI), de Caçapava – SP. O ex-combatente lutou contra os nazistas na Itália, entre julho de 1944 e julho de 1945, e participado ativamente das batalhas de Monte Prano, Zocca, Camaiore, Montese, Colechio e da rendição da 148º Divisão de Infantaria Alemã, em Fornovo di Taro.

Depois de encarar a guerra, Siqueira retornou para Mato Grosso do Sul e após trabalhar na roça por um tempo, ingressou na equipe dos Correios, em Ponta Porã. Na década de 70, se aposentou oficialmente e passou a ser guarda noturno para sustentar a sua família que era composta por sete filhos.

No passar dos anos, Manoel Castro Siqueira passou a conviver com algumas complicações na saúde e atualmente se locomovia com ajuda de cadeira de rodas. O veterano deixa em vida sua esposa Helena, filhos, netos e bisnetos que terão muita história para contar.

Jornal Midiamax