Cotidiano

Estado receberá recursos no Ministério do Meio Ambiente para Rio Taquari

O ministro do Meio Ambiente Ricardo Salles (Novo) confirmou ao governador Reinaldo Azambuja (PSDB) o envio de recursos para Mato Grosso do Sul que serão usados para a execução da primeira fase do projeto que visa recuperar a Bacia do Rio Taquari, que está assoreado. Em encontro ocorreu neste domingo (2), na Base Aérea de […]

Daiany Albuquerque Publicado em 03/06/2019, às 11h38

Ministro do Meio Ambiente Ricardo Salles esteve em MS neste fim de semana (Foto: Divulgação)
Ministro do Meio Ambiente Ricardo Salles esteve em MS neste fim de semana (Foto: Divulgação) - Ministro do Meio Ambiente Ricardo Salles esteve em MS neste fim de semana (Foto: Divulgação)

O ministro do Meio Ambiente Ricardo Salles (Novo) confirmou ao governador Reinaldo Azambuja (PSDB) o envio de recursos para Mato Grosso do Sul que serão usados para a execução da primeira fase do projeto que visa recuperar a Bacia do Rio Taquari, que está assoreado. Em encontro ocorreu neste domingo (2), na Base Aérea de Campo Grande.

No fim de semana o ministro esteve no Refúgio Ecológico Caiman, onde se reuniu com o titular da Semagro (Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Agricultura Familiar e Produção), Jaime Verruck, e organizações ambientalistas.

O pedido de destinação de verba federal para o projeto foi feito em fevereiro, durante encontro entre o governador e Salles, em Brasília (DF). O anúncio oficial e a liberação dos recursos serão feitos na quarta-feira (5), durante lançamento do projeto de recuperação da Bacia do Araguaia, em ato que terá a presença do presidente Jair Bolsonaro (PSL).

A verba a ser destinada para o Taquari será captada via conversão de multas ambientais devidas à União, que totalizam mais de R$ 6 bilhões, por meio de edital a ser publicado pelo Ministério do Meio Ambiente, semelhante a outros projetos de recuperação de bacias hidrográficas, como a do Rio São Francisco. O projeto executivo, que está sendo finalizado pelo Estado, prevê linhas de crédito subsidiadas aos produtores afetados pela degradação ambiental. (Com assessoria)

Jornal Midiamax