Cotidiano

Em ação na rodoviária, Procon tenta garantir gratuidade a idosos em viagem

A menos de duas semanas para o Natal, passageiros já lotam o Terminal Rodoviário de Campo Grande. Para auxiliar os usuários, em caso de problemas com as viações, o Procon Estadual (Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor) montou um ponto de atendimento dentro do terminal. Conforme a equipe de atendimento que está no local, […]

Cleber Rabelo Publicado em 13/12/2019, às 15h23

Leonardo de França, Midiamax
Leonardo de França, Midiamax - Leonardo de França, Midiamax

A menos de duas semanas para o Natal, passageiros já lotam o Terminal Rodoviário de Campo Grande. Para auxiliar os usuários, em caso de problemas com as viações, o Procon Estadual (Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor) montou um ponto de atendimento dentro do terminal.

Conforme a equipe de atendimento que está no local, o movimento foi intenso nesta sexta-feira (13). Pela manhã, muitos passageiros procuraram o ‘Procon na Rua’, para pedir orientação. A superintendência auxiliou os viajantes e resolveu algumas irregularidades constatadas em relação à compra de passagens e bilhetes de viagens.

Plantão na rodoviária

O Procon Estadual realiza até as 17 horas desta sexta-feira, um plantão de fiscalização no Terminal Rodoviário. O objetivo é coibir abusos recorrentes, praticados por empresas de transporte, principalmente, nesta época de fim de ano.

O foco, conforme a assessoria de imprensa do órgão, é verificar o cumprimento da legislação que determina a gratuidade nas viagens de idosos, direito de pessoas com idade igual ou superior a 65 anos e rendimento não superior a dois salários mínimos, além de portadores de necessidades especiais.

A Lei garante a disponibilização de dois assentos em todos os ônibus de transporte interestadual e intermunicipal, entretanto, conforme o Procon Estadual, a maioria das empresas insiste em desobedecer e prejudicar os beneficiários da concessão.

Jornal Midiamax