Cotidiano

Com sinalização de ministro, Marquinhos inicia projeto de hospital municipal

Após sinalização positiva do Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, o prefeito Marquinhos Trad (PSD) iniciará os levantamentos de viabilidade econômica e assistencial para iniciar a construção do Hospital Municipal. O assunto foi discutido em reunião do prefeito com o ministro em Brasília (DF) nesta quarta-feira, com a presença do secretário de Saúde José Mauro […]

Danúbia Burema Publicado em 03/07/2019, às 19h09 - Atualizado em 04/07/2019, às 08h15

Foto. Divulgação PMCG
Foto. Divulgação PMCG - Foto. Divulgação PMCG

Após sinalização positiva do Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, o prefeito Marquinhos Trad (PSD) iniciará os levantamentos de viabilidade econômica e assistencial para iniciar a construção do Hospital Municipal. O assunto foi discutido em reunião do prefeito com o ministro em Brasília (DF) nesta quarta-feira, com a presença do secretário de Saúde José Mauro Filho.

Na conversa, o prefeito e secretário apresentaram indicação para a construção da nova unidade e solicitaram aumento do recurso para custeio e implementação dos novos serviços de atendimento.

Conforme informado pela prefeitura, a proposta foi bem recebida pelo ministro. Agora, a administração municipal iniciará os levantamentos para viabilidade da construção. A visita do ministro é esperada na Capital para o dia 22, onde deve anunciar resposta a demandas feitas pela gestão municipal.

Projeto conjunto

No processo de elaboração do projeto do hospital, será criado comitê com a participação do Conselho Municipal de Saúde, do Ministério Público e outras entidades. “É uma notícia extremamente importante. A melhoria da saúde é um dos principais anseios da população e prioridade na nossa gestão. Um hospital municipal resolverá grande parte dos problemas enfrentados pela nossa Capital”, afirmou o prefeito.

Para o secretário de saúde da Capital, é importante apresentar bom projeto que atenda às necessidades da população. A proposta é baseada no hospital Dr. Leony Palma de Carvalho, de Cuiabá (MT). Com 21 mil metros de área, o local conta com 315 leitos. (Com assessoria)

Jornal Midiamax