Cotidiano

Capital terá evento mundial de observação de pássaros

Para os apaixonados por aves, acontece em Campo Grande, neste sábado (4), o “Big Day”, evento mundial que mobiliza diversos amantes da observação de pássaros por todo planeta. Por aqui, serão 15 pontos de observação nas hotposts, que são áreas de grande importância ambiental. Segundo os organizadores voluntários, durante todo o dia as pessoas vão […]

Kamila Alcântara Publicado em 03/05/2019, às 14h06 - Atualizado às 14h09

Foto: Simone Mamede
Foto: Simone Mamede - Foto: Simone Mamede

Para os apaixonados por aves, acontece em Campo Grande, neste sábado (4), o “Big Day”, evento mundial que mobiliza diversos amantes da observação de pássaros por todo planeta. Por aqui, serão 15 pontos de observação nas hotposts, que são áreas de grande importância ambiental.

Segundo os organizadores voluntários, durante todo o dia as pessoas vão poder registrar as listas de espécies observadas pelo aplicativo “eBird” e alimentar um banco de dados mundial com as aves observadas, o local e a hora do avistamento. Lembrando que Campo Grande é a capital do Turismo de Observação de Aves.

Os organizadores destacam, ainda, que a experiência é a oportunidade de contato com a natureza e de aproximação de pessoas de regiões distintas da cidade. Além de demonstrar a importância da conservação destes espaços, que abrigam espécies raras, ameaçadas e endêmicas, que são encontradas apenas aqui.

Para quem não conhece, o “Global Big Day” é uma ferramenta da ciência cidadã, que contribui para preencher lacunas do conhecimento sobre as espécies existentes no planeta e, com isso, envolver a comunidade enquanto agente de conservação e proteção das espécies, além dos respectivos habitats.

Um dos participantes confirmados diz que é fascinante estar no Big Day. “Participei em 2018, na região da Lagoa da Cruz, e fiquei fascinado pela diversidade de espécies que conseguimos observar em tão pouco tempo. Há tantas abes convivendo com nossa sociedade em pequenos fragmentos de mata, presentes no perímetro urbano, e sequer damos conta da importância de sua presença na região”, relata Rodrigo Motta, publicitário.

Locais de observações

As atividades em Campo Grande acontecem em 15 locais de observação de aves existentes, que são eles: Parque Estadual Matas do Segredo, Parque estadual do Prosa, Parque CEA Imbirussu, Parque linear

Capital terá evento mundial de observação de pássaros
Foto: Divulgação

Imbirussu, Parque linear da lagoa, Parque das Nações Indígenas, Horto Florestal, Lagoa da Cruz, Lagoa Itatiaia, Parque linear do Anhandui, Parque Itanhangá, Lago do Amor, RPPN UFMS, canteiro da av. Afonso Pena e canteiro da av. Ricardo Brandão.

Desses locais, o complexo do Parque dos Poderes abriga 230 espécies, incluindo endêmicas como choca-do-planalto e chororozinho-de-bico-comprido, que encontram-se ameaçadas por conta da ideia de derrubada das árvores, proposta pelo Governo do Estado. A área é um dos últimos remanescentes de Cerrado na região urbana do Prosa.

Este evento é uma forma de valorização das espécies e ocorrem em locais que estão diretamente ameaçadas de desmatamento. As observações acontecem durante todo o dia, mas os interessados poderão encontrar monitores voluntários nos locais, para auxilio, a partir das 6h de forma coletiva ou registros individuais às 00h. Inscrições pelo [email protected]

Jornal Midiamax