Cotidiano

TRT/MS oficializa grupo para prevenção de acidentes de trabalho

Grupo é formado por diversos órgãos ligados ao trabalhador

Ana Clara Santos Publicado em 27/04/2018, às 16h02

None

Como parte dos trabalhos da campanha Abril Verde o  TRT/MS (Tribunal Regional do Trabalho 24ª Região) assinou um protocolo, nesta sexta-feira (27), em parceria com outros órgãos púbicos, para promoção de ações de prevenção a acidentes de trabalho e doenças ocupacionais, e conscientizar os empregadores e trabalhadores sobre a importância da saúde e segurança no ambiente laboral.

TRT/MS oficializa grupo para prevenção de acidentes de trabalho
Foto: Assessoria de Imprensa TRT 24ª Região

Com a assinatura do protocolo foi formalizada a criação do GETRIN-24, que é um Grupo de Trabalho Interinstitucional formado pelo TRT/MS (Tribunal Regional do Trabalho 24ª Região), PRT/MS (Ministério Público do Trabalho em Mato Grosso do Sul), SRTE/MS (Superintendência Regional do Trabalho e Emprego em Mato Grosso do Sul), Fundacentro (Fundação Jorge Duprat Figueiredo, de Segurança e Saúde do Trabalhador de Mato Grosso do Sul), Cerest MS (Centro de Referência em Saúde do Trabalhador de Mato Grosso do Sul) e Centro de Referência em Saúde do Trabalhador (Regional Campo Grande).

O grupo tem o objetivo de incentivar e fortalecer a promoção da saúde, segurança e prevenção de doenças e acidentes de trabalho. Além disso, será responsável por implantar uma agenda de trabalhos em prol dessa conscientização em Mato Grosso do Sul nos parâmetros estabelecidos pela Organização Internacional do Trabalho.

O desembargador João de Deus Gomes de Souza, presidente do TRT 24ª Região, explicou a importância do grupo, enfatizando que a segurança no trabalho é um trabalho conjunto. “Eu gosto muito de uma frase que diz que o trabalho seguro é a arte de preservar a vida. Todos devem se preocupar com a segurança em suas atividades para que as vidas sejam poupadas”, pontuou.

Memória das Vítimas de Acidentes e Doenças do Trabalho

Encerrando o mês de abril, dia 28 é considerado o Dia Mundial em Memória das Vítimas de Acidentes e Doenças do Trabalho e para marcar esta data o Grupo de Trabalho promoveu uma palestra para lembrar dessas vítimas, da qual participaram cerca de 200 pessoas.

Durante o evento foram debatidos assuntos como o adoecimento ocupacional e os riscos do trabalho em alturas, apresentados pela médica do trabalho Adriana Sato e por Flávio de Oliveira Nunes, engenheiro em segurança do trabalho e auditor fiscal do trabalho

Jornal Midiamax