Trailer de vacinação na Praça Ary Coelho encerra atendimento nesta sexta-feira

Esta sexta-feira (18) será o último dia de imunização contra a gripe no trailer instalado na Praça Ary Coelho, no Centro de Campo Grande. O trailer funcionará de 7h15 às 16h45 e não haverá intervalo para o almoço.
| 18/05/2018
- 11:53
Trailer de vacinação na Praça Ary Coelho encerra atendimento nesta sexta-feira

Esta sexta-feira (18) será o último dia de vacinação contra a gripe no trailer instalado na Praça Ary Coelho, no Centro de Campo Grande. O trailer funciona das 7h15 às 16h45 e não haverá intervalo para o almoço.

A Campanha de Vacinação Contra a gripe segue até o dia 1° de junho em todas as unidades básicas de saúde da Capital. Nas 66 unidades, a vacinação acontece de 7h às 11h e das 13h às 17h. Algumas unidades de saúde fazem a distribuição das senhas para organização do atendimento.

De acordo com o Boletim de Vacinação divulgado na semana passada, 45% do público-alvo já foi imunizado na Capital, cerca de 198 mil pessoas. O grupo de risco é estabelecido pelo Ministério da Saúde e deve receber a dose da vacina para ficarem protegidos contra os três subtipos do vírus da gripe: A/H1N1; A/H3N2 e influenza B.

Quem está no grupo de risco?

Segundo a Sesau, devem receber a vacina: indivíduos com 60 anos ou mais de idade; crianças na faixa etária de 6 meses a menores de cinco anos; as gestantes; as puérperas (mulheres até 45 dias após o parto); os trabalhadores de saúde; os povos indígenas; os portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais; os adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas; a população privada de liberdade; os funcionários do sistema prisional e professores (público ou privado) do ensino básico, médio e superior.

Documentos necessários

Para receber a dose, o paciente deve apresentar o Cartão Nacional de Saúde ou número prontuário da rede de saúde de Campo Grande; documento pessoal de identificação; e a caderneta de vacinação.

Além dos documentos exigidos para todos, os profissionais de saúde devem apresentar a carteira de conselho ou holerite; as gestantes e puérperas: cartão da gestante, laudo médico ou exames com identificação; e os indígenas: cadastro na SESAI (Secretaria Especial de Saúde Indígena).

Veja também

Ninguém acertou o concurso 2.509 da Mega-Sena que poderá pagar R$ 27 milhões no próximo...

Últimas notícias