Cotidiano

Quase no fim do mês, jovens aprendizes reclamam que não receberam salários

Salários deveriam ter saído no dia 8 de janeiro

Raiane Carneiro Publicado em 23/01/2018, às 17h11

None

Salários deveriam ter saído no dia 8 de janeiro

Uma jovem aprendiz da Seleta (Sociedade Caritativa e Humanitária), que é terceirizada e atua na Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública), reclamou que os adolescentes que trabalham no governo do Estado estão sem receber o salário. De acordo com a jovem, até esta terça-feira (23), a empresa informou não ter previsão de pagamento.

A jovem relatou ao Jornal Midiamax que o pagamento deveria ter saído no dia 8 deste mês, mas até o momento, nenhum dos jovens aprendizes da Sejusp receberam. “Continuamos sem receber”, afirmou. Ela ainda afirmou que entraram em contato com a Seleta e que não há previsão para o pagamento.

Segundo a adolescente, a informação repassada pela empresa responsável pelos menos aprendizes é que o Estado não teria repassado o pagamento. “Primeiro, disseram que a Seleta não tinha depositadao e depois falaram que o Estado não pagou”, explicou.Quase no fim do mês, jovens aprendizes reclamam que não receberam salários

De acordo com a jovem ainda, o problema não se limitaria apenas aos aprendizes da Sejusp. “Ela [Seleta] disse que tinha cinco secretarias atrasadas”, disse. Nesta terça, conforme a adolescente, os menores que trabalham em duas secretarias receberam. “Porém já foram pagas 2, mas estão enrolando a Sejusp e mais duas”, contou.

A reportagem pediu retorno para o governo do Estado desde a última sexta-feira (19), mas não obteve resposta. No número fixo da Seleta, ninguém atendeu. 

WhatsApp: fale com os jornalistas do Midiamax

O leitor enviou as imagens ao WhatsApp do Jornal Midiamax no número (67) 99207-4330. O canal de comunicação serve para os leitores falarem com os jornalistas. Flagrantes inusitados, denúncias, reclamações e sugestões podem ser enviados com total sigilo garantido pela lei.

Jornal Midiamax