Três cidades estão sem combustível desde quarta passada e suspendem serviços

Os postos de combustíveis das cidades do Bolsão de Mato Grosso do Sul estão sem abastecimento de combustível desde a semana passada. Nas cidades de Paranaíba, Três Lagoas e Cassilândia, não há previsão para a chegada das carretas de combustível. A região é o principal polo industrial do Estado. De acordo com empresários de Paranaíba […]
| 28/05/2018
- 13:45
Três cidades estão sem combustível desde quarta passada e suspendem serviços

Os postos de combustíveis das cidades do Bolsão de Mato Grosso do Sul estão sem abastecimento de combustível desde a semana passada. Nas cidades de Paranaíba, Três Lagoas e Cassilândia, não há previsão para a chegada das carretas de combustível. A região é o principal polo industrial do Estado.

De acordo com empresários de Paranaíba –cidade a 407 quilômetros de Campo Grande- desde a quarta-feira não há abastecimento e nenhuma das carretas escoltadas pela PRF (Polícia Rodoviária Federal) e Exército Brasileiro chegaram à cidade. “Acho que essa escolta está sendo feita sem critério, pois já foram para a região de Corumbá com várias carretas, mas, para divisa com São Paulo nenhuma”, diz.

Segundo a prefeitura de Paranaíba, vários serviços foram suspensos. Nesta segunda-feira, funcionam apenas serviços essenciais de limpeza de ruas, coleta de lixo e ambulâncias. As aulas na cidade continuam, porém, as aulas da escola do campo foram suspensas.

Em Cassilândia, a informação é de que todos os postos estão fechados e que somente um dos estabelecimentos mantém atendimento na loja de conveniência e abastece viaturas de emergência da cidade com o pouco estoque que ainda possui. “O que sabemos é que só vai chegar quando acabar a greve”, diz a funcionária de um dos estabelecimentos.

Em Três Lagoas, a situação é a mesma. Segundo os funcionários dos postos de combustíveis, desde a última quinta-feira (24), os estabelecimentos estão sem gasolina e não há informações sobre a chegada do combustível.

A PRF e o CMO (Comando Militar do Oeste) não souberam informar se há previsão de escolta para a região nesta segunda-feira.

Veja também

Comunidade Esperança, localizado no Bairro Noroeste em local conhecido como “Aterro do Noroeste” entrou em...

Últimas notícias