Cotidiano

Já cadastrou? 160 mil eleitores ainda não cadastraram biometria no TRE-MS

Número de atendimentos chegou a 445.940 na Capital

Raiane Carneiro Publicado em 19/02/2018, às 21h31

None

Número de atendimentos chegou a 445.940 na Capital

Na reta final do prazo para fazer o cadastramento biométrico, mais de 160 mil campo-grandenses não compareceram para fazer o procedimento. De acordo com o TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul), os atendimentos da Justiça Eleitoral alcançaram 72% dos eleitores da Capital.

O prazo estabelecido pela Justiça Eleitoral é até o dia 18 de março e o cadastramento é obrigatório. Conforme o tribunal, até o momento, 167.647 eleitores não fizeram a biometria. Sobre os atendimentos, foram feitas 358.415 revisões eleitorais, 46.021 alistamentos, 39.309 transferências e 2.195 emissões de segundas vias. No total, os atendimentos somam 445.940, número que representa a 72,72% do eleitorado de Campo Grande.Já cadastrou? 160 mil eleitores ainda não cadastraram biometria no TRE-MS

O TRE informou que, na Capital, são 10 locais que oferecem atendimento para os eleitores, totalizando 151 guichês com capacidade para atender 6 mil pessoas por dia. No caso dos domingos, o único local que funciona é o Memorial da Cultura, das 8 ao meio-dia, localizado na Avenida Fernando Correa da Costa.

Quem não fizer o cadastramento biométrico terá o título de eleitor cancelado. Para fazer o cadastramento biométrico, o eleitor precisa levar via original de um documento oficial de identificação com foto e comprovante de residência atualizado. Os homens com mais de 18 anos e que irão tirar o título pela primeira vez devem apresentar o comprovante de quitação do serviço militar, com cópia.

Paralisação do atendimento

De acordo com o TRE, haverá uma paralisação programada no sábado (24) e no domingo (25) devido a manutenção geral no sistema que se refere ao cadastramento biométrico. Essa manutenção será feita pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral). Todos os atendimentos serão retomados na próxima segunda-feira (26).

Outra situação informada pelo tribunal é sobre o desligamento da energia elétrica no Prédio do Fórum Eleitora, no Parque dos Poderes, para a execução da última etapa de uma manutenção preventiva.

Jornal Midiamax