Cotidiano

Feriadão nas estradas estaduais e federais resultou em 4 mortes e 22 acidentes em MS

O feriado prolongado da Independência contou com a fiscalização da PRF (Polícia Rodoviária Federal) e PMRv (Polícia Militar Rodoviária) nas estradas estaduais e federais. Durante os quatro dias de feriado, foram registradas 4 mortes e 22 acidentes em Mato Grosso do Sul. A operação da PRF aconteceu entre a quinta-feira (6) e o domingo (9) […]

Mylena Rocha Publicado em 10/09/2018, às 13h02

Foto: PMRv
Foto: PMRv - Foto: PMRv

O feriado prolongado da Independência contou com a fiscalização da PRF (Polícia Rodoviária Federal) e PMRv (Polícia Militar Rodoviária) nas estradas estaduais e federais. Durante os quatro dias de feriado, foram registradas 4 mortes e 22 acidentes em Mato Grosso do Sul.

A operação da PRF aconteceu entre a quinta-feira (6) e o domingo (9) em mais de 3.000 km de rodovias federais no estado. Nos quatro dias foram fiscalizados 4.257 veículos: autuações por infração de trânsito somaram 4.249 no total, sendo que 3.435 foram por excesso de velocidade. O balanço da operação aponta que as ultrapassagens proibidas somaram 110 autuações, sendo 101 em faixa dupla contínua. O consumo de álcool resultou em 24 motoristas autuados, quando seis foram presos.

Nas rodovias federais foram 14 acidentes ao todo, número menor do que o registrado na Operação do ano passado, quando ocorreram 26 acidentes. Duas pessoas morreram em acidentes, um número também menor do que o ano passado, quando foram registradas cinco mortes.

Já a Polícia Militar Rodoviária fiscalizou e abordou 3.158 veículos, com 308 autos de infrações de trânsito. A fiscalização atendeu a oito acidentes de trânsito, com duas vítimas fatais. O Comandante do Batalhão de Polícia Militar Rodoviária, tenente coronel Wagner Ferreira da Silva, ressalta que houve uma redução em todos os indicadores de acidentes de trânsito. O destaque vai para a redução de 50% no número de registro de acidentes de trânsito e 52,8% no número de vítimas, quando comparado com os resultados da Operação da Independência em 2017.

Jornal Midiamax