Confirmada paralisação de servidores da UFMS por reposição salarial de 28%

Paralisação será dia 23 de maio
| 17/05/2018
- 19:55
Confirmada paralisação de servidores da UFMS por reposição salarial de 28%

Nesta terça-feira (17), em assembleia geral, os servidores da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul () confirmaram que irão paralisar as atividades na próxima quarta-feira (23). A paralisação é considerada uma forma de protesto pela reposição salarial.

Conforme informou o Sindicado dos Trabalhadores em Educação da Fundação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (SISTA-MS), que presidiu a assembleia, as perdas salariais vêm ocorrendo há anos e acumulam o prejuízo de 28%, causado pela inflação dos últimos anos, justificando, assim, o pedido de reposição feito pelos servidores.

Além da paralisação, os servidores discutiram sobre a revisão dos valores cobrados de 47,84%, que incidem sobre o Imposto de Renda e Seguridade Social dos trabalhadores, principalmente porque é a própria universidade que deve solicitar a revisão do cálculo.

Durante todo o dia 23, os funcionários irão panfletar ao entorno da universidade com o intuito de informar os motivos da paralisação e explicar os pedidos feitos ao governo e à reitoria da UFMS. Além disso, farão outra assembleia na terça-feira (22), às 7h30, para entregar ao reitor solicitação de suspensão do ponto eletrônico até que tenha a exata dimensão de pessoal, acompanhado de abaixo-assinado.

Veja também

Interessados em participar do processo seletivo devem comparecer na Funsat

Últimas notícias