Setor é fechado para perícia que deve identificar motivo de vazamento no JBS

Equipes do Ministério do Trabalho e da PMS estão no local
| 07/04/2017
- 15:35
Setor é fechado para perícia que deve identificar motivo de vazamento no JBS

Equipes do Ministério do Trabalho e da PMS estão no local

Setor de produção da unidade II do frigorífico JBS foi fechado na manhã desta sexta-feira (7) para perícia a fim de identificar o que provocou o vazamento de amônia na tarde dessa quinta-feira (6). Conforme informações preliminares, mais de mil trabalhadores tiveram de paralisar as atividades hoje.

A unidade fica na saída para Sidrolândia. De acordo com levantamento divulgado ontem pelo coordenador de Urgências da Prefeitura, Yama Higa, cerca de 80 funcionários tiveram de ser socorridos pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e pelo Corpo de Bombeiros.

Dos trabalhadores que apresentaram sintomas de intoxicação 28 foram encaminhados para UPAs (Unidades de Pronto Atendimento), CRSs (Centros Regionais de Saúde) e Hospital Regional. Os funcionários receberam atendimento médico, passaram por exames e foram liberados.

Um equipe do Ministério do Trabalho está no local. Segundo o procurador Celso Fortes, será analisado se houve descumprimento de medidas de segurança.

"O inquérito já foi instaurado, estamos apurando por meio da perícia se houve descumprimento de alguma norma de segurança do trabalho. Se isso for comprovado a empresa será responsabilizada”. 

Equipe da PMA (Polícia Militar Ambiental) também está no frigorífico. Os militares farão levantamento de possíveis danos ambientais em decorrência do vazamento. 

(Matéria atualizada às 9h23 para correção de informação)

Veja também

A PMA (Polícia Militar Ambiental de São Gabriel do Oeste captura serpente em ferro velho...

Últimas notícias