Cotidiano

Sem salários, funcionários da Santa Casa paralisam atividades

Enfermagem, setor administrativo trabalham com 30% do efetivo

Tatiana Marin Publicado em 09/01/2017, às 17h27

None
01.jpg

Enfermagem, setor administrativo trabalham com 30% do efetivo

Os funcionários da Santa Casa de Campo Grande decidiram paralisar os serviços por tempo indeterminado. Mais de 2 mil trabalhadores, da enfermagem e administrativos, estão sem receber o salário de dezembro. Em assembleia na tarde desta segunda-feira (9), os trabalhadores decidiram paralisar e ficou acordado que apenas 30% do efetivo continuará prestando os serviços.

Uma enfermeira do setor de higienização, que não quis ser identificada, afirmou que a frente de força escalada para trabalhar durante a paralisação não é suficiente. “Os 30% não dão conta do trabalho. Só que nossas contas estão atrasadas e esse é um problema que vem se repetindo desde outubro”, afirma.

Alguns funcionários estão com contas atrasadas por causa da falta dos ordenados. "A água e luz da Prefeitura não foram cortadas, mas a nossa já cortou” reclama uma técnica de enfermagem que trabalha na Central de Materiais da Santa Casa.

De acordo com o presidente do SIEMS (Sindicato dos Trabalhadores da área de Enfermagem de Mato Grosso do Sul), Lázaro Santana, são 1,3 mil funcionários na enfermagem. Já no setor administrativo, Osmar Gussi, segundo o presidente do SinteSaúde/MS (Sindicato Intermunicipal dos Trabalhadores em Estabelecimentos de Serviços de Saúde de MS) são 950 empregados.

Conforme foi decidido na assembleia, os funcionários permanecerão em regime de paralisação até que a direção do hospital dê alguma sinalização.

Segundo Lázaro Santana, a direção do hospital marcou uma reunião para esta terça-feira (10), às 8h, para deliberações. No início da tarde desta segunda-feira (9), o presidente da Santa Casa não estava no hospital. Segundo foi informado, ele estaria no MPT (Ministério Público do Trabalho), para resolver essa situação, já que a Santa Casa depende do repasse da Prefeitura.

Jornal Midiamax